Primavera aposta na mobilidade e alarga oferta para Recursos Humanos

MobilidadeSoftware

A Primavera BSS anunciou que já se encontra disponível o seu novo módulo de Recursos Humanos na app Elevation Mobile, a aplicação onde a empresa portuguesa de software de gestão concentra toda a sua oferta de mobilidade. Assente num conceito de ‘self-service employee’, o módulo de Recursos Humanos vai permitir aos colaboradores consultar toda a

A Primavera BSS anunciou que já se encontra disponível o seu novo módulo de Recursos Humanos na app Elevation Mobile, a aplicação onde a empresa portuguesa de software de gestão concentra toda a sua oferta de mobilidade.

007

Assente num conceito de ‘self-service employee’, o módulo de Recursos Humanos vai permitir aos colaboradores consultar toda a sua informação contratual a partir de um dispositivo móvel que seja compatível com os sistemas operativos iOS, Android e Windows Phone.

Assim, os colaboradores podem aceder a partir do seu dispositivo móvel a informação relacionada com o estado de processamento do recibo de vencimento, visualizar o tipo de vencimento e formas de pagamento, tal como os valores que deram origem ao recibo, consultar e imprimir as declarações de IRS anuais e visualizar a evolução temporal dos recebimentos.

A Primavera garante que este módulo irá evoluir para novas funcionalidades que irão proporcionar a consulta do mapa de férias, atualização de dados pessoais, entre outras operações colaborativas que irão agilizar a gestão de recursos humanos.

“Com o lançamento deste novo módulo, estamos a agilizar a vida das organizações e dos seus colaboradores, dando acesso a informação contratual em dispositivos que fazem parte do nosso quotidiano e que, por isso, são facilmente acedidos e utilizados”, afirma Jorge Batista, Co-CEO da Primavera BSS. “Com este módulo, os colaboradores têm autonomia para aceder e consultar a sua informação pessoal referente à empresa, libertando o departamento de Recursos Humanos de tarefas rotineiras mas que consomem muito tempo quando não são automatizadas e autónomas”, acrescenta.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor