Portugueses criam modelo para avaliar impacto sísmico dos edifícios

Projetos

Um grupo de investigadores e docentes do Politécnico de Leiria e da Universidade do Porto criaram um modelo de cálculo que simula o comportamento das paredes de alvenaria e o seu efeito nos edifícios existentes durante os sismos.

Em comunicado, explicam que esta ferramenta permite avaliar a segurança dos edifícios em situação de sismo. “É um passo importante para a comunidade científica e técnica ter mais confiança nos resultados produzidos, influenciado assim o melhor dimensionamento dos novos edifícios”, explica Hugo Rodrigues, investigador do Politécnico de Leiria.

O modelo desenvolvido já foi distinguido, vencendo recentemente o primeiro prémio no concurso internacional FRAMA 2015 International Benchmark / Blind Prediction Contest, entre dez equipas concorrentes de diversos países: Itália, Alemanha, Turquia, e EUA.

Hugo Rodrigues esclarece ainda que “o desenvolvimento e validação de modelos de cálculo avançado permite ainda a realização de estudos detalhados, que servem para a definição de regras para aplicação do engenheiro no dia-a-dia de projeto, em particular na consideração dos efeitos das paredes de alvenaria de enchimento nestas situações que, por norma, são um elemento não estrutural, e por isso não são consideradas no cálculo”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor