Portuguesa Science4you exporta para dez novos países

EmpresasNegócios

A portuguesa Science4you (brinquedos.science4you.pt), que desenvolve, produz e comercializa brinquedos educativos para todo o mundo, anuncia a entrada em dez novos países no primeiro semestre de 2017. Marrocos, República Dominicana, Letónia, Estónia, Eslovénia, Croácia, Sérvia, Taiwan, Rússia e Bielorrússia integram a já extensa lista de países para onde a Science4you exporta, com os mercados internacionais a representarem 60% das vendas no primeiro semestre deste ano. Dando exemplo de que é possível atingir outros mercados quando se tem qualidade.

O Grupo Science4you registou no primeiro semestre de 2017 um crescimento de 46% face ao período homólogo do ano anterior, num total de 5.5 milhões de euros , informou em comunicado de imprensa. Com a venda de brinquedos educativos e atividades de ciência experimental, tais como as festas de aniversário e campos de férias.

“Estamos bastante entusiasmados com os resultados que a equipa alcançou no primeiro semestre, este crescimento é um indicador muito positivo para os objetivos que nos propusemos a alcançar até ao final do ano. Apesar do negócio dos brinquedos ser marcadamente sazonal, com mais de 60% das vendas a realizarem-se no período do Natal, este crescimento do primeiro semestre é fundamental para a nossa estratégia de crescimento e internacionalização”, afirma Miguel Pina Martins, fundador e CEO da Science4you. 

No primeiro semestre do ano, o mercado internacional representou mais de metade das vendas da empresa portuguesa de brinquedos educativos. “O valor das exportações já ultrapassou as vendas domésticas da Science4you e o expectável é que no segundo semestre esta diferença seja ainda mais acentuada, sobretudo por causa dos Estados Unidos”, explica ainda o CEO da Science4you.

A empresa portuguesa de brinquedos educativos tem o objetivo de terminar o 10º aniversário com vendas de 23 milhões de euros.

Este é um exemplo de que quando um ideia com capacidade, bem estruturada com uma estratégia bem defendida pode vingar. É certo que a  Science4you não é única no panorama nacional a conseguir estes resultados, mas é seguramente um exemplo ela excelência. 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor