Portuguesa PrimeIT abre escritórios em Lyon e Londres

Fornecedores de SoftwareProjetos

A portuguesa PrimeIT abriu mais dois escritórios fora de território luso. Londres e Lyon foram os mercados contemplados pela consultora que tem ainda por objetivo expandir a sua atividade à Alemanha e Suíça, ainda este ano. Nos mercados internacionais, esta consultora portuguesa que se foca em serviços de Tecnologia de Informação e de Telecomunicações, pretende

A portuguesa PrimeIT abriu mais dois escritórios fora de território luso. Londres e Lyon foram os mercados contemplados pela consultora que tem ainda por objetivo expandir a sua atividade à Alemanha e Suíça, ainda este ano.

Conheca-historia-dos-principais-palacios-londres

Nos mercados internacionais, esta consultora portuguesa que se foca em serviços de Tecnologia de Informação e de Telecomunicações, pretende este ano faturar mais de oito milhões de euros. Hoje, o negócio externo representa 10% do volume de faturação e deverá atingir os 17% no final de 2015. Em comunicado enviado à imprensa, a consultora admite ter projetos a decorrer em mais de 20 cidades internacionais e por isso mesmo está ainda a avaliar a expansão da sua atividade para a Alemanha e Suíça.

Inicialmente, o escritório de Lyon conta com uma equipa de 10 colaboradores, apoiados permanentemente pelas equipas de Lisboa (Portugal) e Paris (França). Até ao final de 2015, diz o comunicado, o objetivo é recrutar mais 80 consultores. Em termos de oferta, a PrimeIT acrescentou às suas áreas de negócio tradicionais as novas áreas de energia e infraestrutura. “A curto prazo esta operação deverá atingir um volume de negócios de 15 milhões de euros e uma equipa total de 800 colaboradores”, avança a empresa.

De acordo com o CEO Ricardo Carvalho, “a PrimeIT sempre foi uma empresa global. A expansão internacional está no nosso ADN e assim vamos continuar a investir, passo a passo. O nosso esforço comercial, as competências da nossa equipa, os níveis de satisfação dos clientes e a crescente criticidade do outsourcing na competitiva economia atual levam-nos a estar bastante otimistas para 2015.”

Segundo a empresa, a abertura do escritório em Lyon permitirá o desenvolvimento de negócios no sul de França, nomeadamente perto de algumas cidades, como Grenoble e Marseille. “A subsidiária de Londres reforçará a aposta e a presença da empresa no maduro e exigente mercado do Reino Unido”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor