Portege Z20t vs Surface Pro 3: e o ouro vai para…

EscritórioMobilidadePortáteis

A Toshiba apresentou a mais recente adição ao seu portfólio de tablets, o Portege Z20t. O novo dispositivo móvel deverá emergir como um rival de peso do Surface Pro 3, embora o homólogo da Microsoft leve o ouro em vários aspetos. Não obstante o Surface Pro 3 ter surgido como um dos primeiros da sua

A Toshiba apresentou a mais recente adição ao seu portfólio de tablets, o Portege Z20t. O novo dispositivo móvel deverá emergir como um rival de peso do Surface Pro 3, embora o homólogo da Microsoft leve o ouro em vários aspetos.

toshiba portege z20t

Não obstante o Surface Pro 3 ter surgido como um dos primeiros da sua espécie – um tablet que pode também funcionar como um portátil, leve e delgado –, o Portege Z20t parece ser a réplica da Toshiba ao já não tão único aparelho da Microsoft.

Com um ecrã de 12,5 polegadas (face às 12 do Surface), o Portege incorpora um processador Core M da Intel, que, dado o seu baixo consumo, dota o tablet de uma autonomia que pode ir até nove horas, o que quando comparado com o Surface Pro 3 não é algo extraordinário, visto que o primo fabricado pela Microsoft consegue exatamente o mesmo. Com o Core M, a Toshiba certamente espera que o Portege consiga manter uma performance forte com um baixo consumo energético, que refletir-se-á numa maior duração da bateria.

Apesar do reduzido gasto de bateria que possa apresentar, o Portege Z20t não consegue superar o concorrente mais próximo. Assim, a resolução de 1920 x 1080 do tablet da Toshiba é ensombrada pela definição de 2160 x 1440 que o Surface Pro 3 consegue oferecer.

Em termos de ligações, tanto o Portege Z20t como o Surface Pro 3 estão em pé de igualdade, ambos com conexão Wi-Fi 802.11ac e ligação Bluetooth 4.0. Também ao nível da memória, os dois dispositivos igualam-se, com quatro ou oito GB de RAM e capacidade de armazenamento de 128 GB, 256 GB ou 512 GB.

Fale-se agora de preços. Após uma comparação prévia pode destacar-se que, colocando momentaneamente de parte os aspetos em que coincidem, o Portege da Toshiba perde algum terreno para o Microsoft Surface Pro 3. Contudo, o tablet da fabricante japonesa – que pode também operar como um portátil – custará, pelo menos numa fase inicial, 1,172 euros, ao passo que o Surface Pro 3, na loja online da gigante norte-americana, custa 819 euros. Assim, o Portege Z20t perde pontos face ao Surface Pro 3, mas custa um pouco mais.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor