Palo Alto Networks identifica malware que infeta iPhones

CyberwarFirewallGestãoSegurança

A unidade de pesquisas da empresa de segurança de rede Palo Alto Networks (Unit 42) identificou um novo trojan capaz de infetar dispositivos iOS que não passaram por jailbreak – aqueles que não tiveram o sistema operacional desbloqueado para a instalação de softwares não autorizados pela Apple. Chamado “AceDeceiver”, o malware afeta atualmente utilizadores Apple na China.

O AceDeceiver aproveita-se de uma falha no mecanismo de proteção DRM da Apple chamado FairPlay por meio de uma técnica chamada “FairPlay Man-in-the-Middle”, permitindo que os hackers instalem aplicações maliciosas em dispositivos iOS, ignorando as medidas de segurança da Apple. A Palo Alto observa que, embora esta técnica tenha sido usada por hackers desde 2013, esta é a primeira vez que foi utilizada para espalhar malware.

No ataque FairPlay, os agentes maliciosos compram uma aplicação da App Store e, em seguida, interceptam e salvam o código de autorização. Na sequência, desenvolvem um software para PC que simula o comportamento do cliente no iTunes, e engana o dispositivo iOS para que este “acredite” que a aplicação foi comprado pela vítima.

Assim, o utilizador pode instalar aplicações pelas quais nunca pagou, e o criador do software pode instalar aplicações potencialmente maliciosas sem o conhecimento do utilizador – o único sinal será um novo ícone de aplicação no ecrã inicial, que o utilizador pode achar que instalou por engano.

De julho do ano de 2015 até fevereiro, três aplicações iOS com AceDeceiver foram enviados para a App Store oficial. Estas mostram-se como aplicações de papel de parede e fornecem aos hackers um código falso de autorização para ser utilizado no ataque.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor