Palo Alto Networks apresenta nova versão do GlobalProtect

EmpresasNegóciosSegurançaSoftware

A nova versão do software GlobalProtect permite às empresas controlar o acesso às aplicações e aos dados com base nos critérios de políticas-chave, como: aplicações, utilizadores, dispositivos e o estado do dispositivo e estende a segurança a MDM, MAM e EMM. A Palo Alto Networks, representada em Portugal pelo Grupo Exclusive Networks, especializado em soluções

A nova versão do software GlobalProtect permite às empresas controlar o acesso às aplicações e aos dados com base nos critérios de políticas-chave, como: aplicações, utilizadores, dispositivos e o estado do dispositivo e estende a segurança a MDM, MAM e EMM.

iStock_Tablet_iPhone

A Palo Alto Networks, representada em Portugal pelo Grupo Exclusive Networks, especializado em soluções de segurança informática, comunicações e mobilidade empresarial, apresentou a nova versão do software GlobalProtect Mobile Security Manager, que traz recursos que possibilitam às empresas proteger os seus dados empresariais em dispositivos móveis, respeitando as informações pessoais do utilizador final. O software permite controlar o acesso às aplicações e aos dados com base nos critérios de políticas-chave como: aplicações, utilizadores, dispositivos e estado do dispositivo.

As empresas que abraçaram a tendência bring your own device (BYOD) têm contado com novas tecnologias como mobile device management (MDM), mobile application management (MAM) ou enterprise mobility management (EMM) para tratar das suas necessidades de gestão de dispositivos. No entanto, estas são insuficientes para garantir também a segurança. Como tal, é necessário um software que promova a combinação de tecnologias para proteger os dispositivos e os dados empresariais de ameaças móveis sofisticadas.

A Palo Alto Networks GlobalProtec é uma solução capaz de oferecer segurança móvel com essas funcionalidades, combinando a gestão necessária do dispositivo e as tecnologias de segurança de redes num único produto integrado para gerir o dispositivo, protegendo-o e controlando o movimento de dados. Com essas três capacidades, a GlobalProtect permite às organizações combinar o tratamento das suas necessidades de segurança e os requisitos de privacidade do utilizador, mantendo o poder da produtividade e da experiência de uma aplicação nativa.

Isso é possível graças à expansão da plataforma de segurança da Palo Alto Networks, que é baseada numa estratégia de desenvolvimento de tecnologias críticas de proteção num sistema totalmente integrado e automatizado.

Lee Klarich, vice-presidente sénior de gerenciamento de produto da Palo Alto Networks, explica: “a GlobalProtect permite que os nossos clientes giram os objetivos para o uso de dispositivos móveis com proteção contra malware e acesso não autorizado a dados, respeitando a privacidade dos utilizadores. O mais importante é que GlobalProtect permite às empresas manter os benefícios de produtividade e promove a experiência nativa com as aplicações móveis, estendendo a segurança de uma firewall de nova geração e de inteligência na defesa das ameaças globais”.

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor