Oracle inova na oferta de Data Analytics

Big DataData-StorageSoftware

A Oracle lançou uma nova API aberta e gratuita e um kit de desenvolvimento para o seu Data Analytics Accelerator (DAX) nos processadores SPARC através do seu Software in Silicon Developer Program. O objetivo é capacitar os programadores com recursos que lhes permitam desenvolver as plataformas analíticas de big data de próxima geração. Outra característica deste programa é que permite que os programadores visualizem alguns exemplos de utilização e dos códigos de programação, testem e validem a forma como o DAX pode acelerar as aplicações analíticas enquanto levam a cabo os testes da tecnologia Software in Silicon.

Com o lançamento de um processador SPARC M7 de 32 núcleos e 256 threads , a Oracle criou um conjunto de funcionalidades no Software in Silicon através da construção de funções do software num nível superior no design do processador. Um dos principais novos recursos introduzidos no processador SPARC M7 como parte das inovações do Software in Silicon é o DAX.

De acordo com a Oracle, o DAX aumenta a capacidade de processamento, passando a permitir a execução das funcionalidades seletivas – Explorar, Extrair, Selecionar e Traduzir – dotando-as de níveis de velocidade extremamente rápidos. O SPARC M7 DAX acelera estas análises primitivas numa unidade física dedicada e separada dos restantes núcleos de computação standards. O desenvolvimento inicial do software capacita o DAX para funcionar com a Oracle Database 12c, e com todas as aplicações que corram sobre ela. Desta forma, a maior rapidez de análise estende-se a toda a oferta Oracle, aos ISV, e às aplicações dos clientes.

As operações de exploração e filtragem em larga escala tornam-se triviais através da utilização transparente de 32 coprocessadores DAX dedicados no microprocessador SPARC que operam no barramento da memória com velocidades que alcançam os160 GB/s entre a cache e a DRAM. Estes aceleradores podem agora ser utilizados pelos programadores de software através das APIs no Oracle Solaris 11 e podem ser aplicados numa ampla variedade de utilizações, informa a empresa.

Um dos exemplos que se destaca entre estas possibilidades é a integração do Data Analytics Accelerator nos casos de utilização de aprendizagem automática e de big data. Segundo os engenheiros da Oracle, o DAX pode acelerar significativamente o Apache Spark, que se transformou num dos métodos mais populares para processar volumes de dados exponenciais. Através deste projeto, os engenheiros utilizaram o DAX com o Apache Spark para retirarem mil milhões de linhas de dados da memória e filtrá-las num cubo 3D tão rápido que a análise interativa dos dados passou a ser possível.

As APIs abertas para Oracle Data Analytics Accelerator estão agora disponíveis gratuitamente através da Software in Silicon Cloud, um serviço de cloud gratuito para programadores e investigadores que oferece acesso direto a esta tecnologia. Os programadores podem integrar esta comunidade e começar o desenvolvimento das aplicações analíticas e de big data de próxima geração.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor