Oracle expande segurança móvel

GestãoMobilidadeNegóciosSegurança

A Oracle anunciou um conjunto de atualizações no Oracle Identity Management que permitem às organizações gerir com mais segurança os acessos aos dispositivos móveis, à cloud e às aplicações on-premise através de um único interface fácil de utilizar.

Cada vez mais as organizações se confrontam com uma pressão crescente para disponibilizarem acessos seguros e sem disrupções a uma ampla variedade de aplicações num número cada vez maior de dispositivos.

A norta-americana Oracle garante que a mais recente versão do seu Identity Management 11gR2 Patchset 3 ajuda a simplificar e racionalizar este processo através da integração da Enterprise Mobility Management no Oracle Identity Management stack. “Esta integração unifica a segurança móvel, a gestão das identidades e a da conformidade numa única plataforma consolidada”, explicam em comunicado.

“As tecnologias digitais como a cloud, o social e a mobilidade estão a tornar-se a regra nas empresas, criando um novo conjunto de desafios cada vez mais complexos a nível da segurança,” afirmou no mesmo documento Jim Taylor, senior director, product management da Oracle. “Para ajudar as empresas a enfrentarem de forma mais eficiente estes desafios, a mais recente versão do Oracle Identity Management integra as nossas ofertas de soluções, produtos e serviços de segurança móvel e gestão das identidades numa única base codificada, com o interface de utilizador, o motor de políticas e o workflow consolidados. A integração ajuda as empresas a construírem respostas otimizadas às rigorosas exigências de conformidade à regulação e à segurança.”

A empresa explica que com a integração da gestão da mobilidade no Oracle Identity Management, as organizações podem agora oferecer “níveis acrescidos de segurança” e capacitar a sua força de trabalho móvel com recursos como a gestão dos dispositivos móveis, a gestão das apps móveis, gestão dos conteúdos móveis e identidade móvel. A solução da Oracle destaca-se pelo SSO avançado e pela autenticação sensível ao contexto.

“Adicionalmente, a atualização da Oracle Identity Management inclui um interface de utilizador melhorado que simplifica a interação dos utilizadores finais com o sistema, melhorando a experiência do registo dos colaboradores e reduzindo o recurso aos serviços de apoio”.

A Oracle disse ainda ter introduzido novas funcionalidades de governação das identidades que permitem aos clientes alcançar facilmente os níveis de conformidade nas auditorias, como por exemplo a separação das funções e dos recursos de gestão do papel do ciclo de vida. “Ao incluir estas novas funções de governação na plataforma de gestão de identidades a Oracle oferece às empresas a possibilidade de reduzirem os custos de gestão, implementação e manutenção do sistema no longo prazo”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor