Opinião: Colaboração, o segredo do negócio?

Negócios

Nos últimos anos temos assistido a uma mudança significativa no modus operando das organizações modernas.

Tradicionalmente as empresas eram constituídas por equipas fixas localizadas nos escritórios das mesmas, focadas essencialmente na produtividade individual, e as principais interações eram entre colegas. Hoje em dia, aposta-se mais na eficácia de equipas ágeis, flexíveis e dispersas geograficamente, com canais de comunicação abertos diretamente para os colegas, parceiros de negócio e clientes.

Neste novo paradigma, as plataformas de colaboração têm um papel cada vez mais importante na operação das organizações, uma vez que disponibilizam os meios necessários para os utilizadores poderem comunicar através de canais multimédia e partilhar recursos independentemente da sua localização geográfica, e de forma intuitiva e eficiente.

As ferramentas de colaboração avançadas, disponíveis no modelo on-premises ou na cloud, permitem criar espaços de trabalho de alta qualidade, seguros e adaptáveis em toda a organização. Quando colegas, parceiros, fornecedores e clientes podem colaborar de forma mais efetiva, as organizações conseguem adaptar-se rapidamente às mudanças do mercado e estabelecer uma vantagem competitiva.

A utilização destas ferramentas permite melhorar a eficiência operacional das organizações, proporcionado por um maior nível de produtividade e otimização do tempo, assim como a redução dos custos de deslocações e estadias.

A experiência desta utilização assume um papel de extrema importância, e como o conceito de colaboração permite trazer para o mercado de trabalho a experiência que todos temos em ambientes informais, não existe disrupção, tornando os processos mais simples na forma de comunicar e partilhar conteúdos.

Marcar e estar presente em reuniões remotamente deixa de ser um problema, tudo se resolve à distância de um click.

Este novo paradigma da colaboração como fator chave nas organizações traduz-se fundamentalmente em soluções para se ganhar produtividade através da simplificação dos processos de comunicação.