OKI lança MFPs com OCR em Portugal de olho nos mercados verticais

Escritório

A OKI anunciou que os seus multifunções passam agora a incorporar a funcionalidade de Reconhecimento Ótico de Caracteres (OCR) da ABBYY, empresa especialista na captura de documentos. O Servidor de Reconhecimento da ABBYY permite o OCR e a conversão de documentos à escala empresarial, em formatos MS Office (Word, Excel, PowerPoint) ou em PDF e

A OKI anunciou que os seus multifunções passam agora a incorporar a funcionalidade de Reconhecimento Ótico de Caracteres (OCR) da ABBYY, empresa especialista na captura de documentos. O Servidor de Reconhecimento da ABBYY permite o OCR e a conversão de documentos à escala empresarial, em formatos MS Office (Word, Excel, PowerPoint) ou em PDF e PDF/A, nos casos em que o objetivo seja estruturar, pesquisar e arquivar documentos. Esta funcionalidade permite o processamento automático de documentos que podem ser geridos e acedidos, na empresa, ou de forma remota, reconhecendo até 190 idiomas.

Carlos Sousa, CEO da OKI Europe Lda. – Sucursal em Portugal
Carlos Sousa, CEO da OKI Europe Lda. – Sucursal em Portugal

Em declarações à B!T, Carlos Sousa, CEO da OKI Europe Lda. – Sucursal em Portugal, refere que a necessidade de soluções de impressão e de gestão do fluxo de documentos não é exclusiva das grandes organizações. “Este é um problema comum também às PME nacionais, cujo aumento de eficiência e produtividade está diretamente ligado à conversão de documentos em papel para formatos eletrónicos”, afirma. “Assim, o OCR e a conversão de documentos são as soluções perfeitas para qualquer organização que lide diariamente com um grande volume de documentos, nomeadamente empresas na área dos Transportes e Logística, Saúde, Educação, Financeira e Legal”, revela.

Segundo o executivo, atualmente, e devido à conjuntura económica que o país atravessa, as organizações procuram essencialmente soluções de impressão e de gestão de documentos que lhes permitam otimizar custos. “A OKI apresenta assim uma solução, há muito procurada por grande parte das empresas nacionais, que coloca à disposição dos profissionais a função OCR (reconhecimento ótico de caracteres) nos seus multifuncionais, permitindo às empresas reduzir custos e aumentar a eficiência dos recursos internos através da conversão para formato digital de documentos em papel, sejam textos ou imagens”, refere.

“O papel é ainda uma fonte de informação importante em muitos negócios e os nossos clientes registaram uma redução de custos na ordem dos 30%, como resultado de uma gestão de documentos mais inteligente”, salienta Javier López, Senior Manager de Managed Print Services da OKI Europa. “A inclusão do ABBYY Recognition Server disponibiliza um simples mas poderoso sistema de arquivo de documentos, que permite às empresas converter os documentos em papel em documentos eletrónicos pesquisáveis e reutilizáveis. Esta funcionalidade eleva os nossos MFPs a um novo nível de desempenho, oferecendo aos clientes uma maior eficiência e produtividade, uma vez que estes procuram aumentar a sua competitividade”, conclui.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor