Oi recebe mais uma proposta de aquisição da PT Portugal

NegóciosOperadoresRedes

A Oi recebeu mais uma proposta pelos ativos da PT Portugal. Desta vez a oferta, no valor de 7,075 mil milhões de euros, veio dos fundos de investimento Apax e Bain, poucos dias após a multimilionária angolana Isabel dos Santos ter visto a sua proposta ser recusada pela operadora brasileira. A oferta do Apax e

A Oi recebeu mais uma proposta pelos ativos da PT Portugal. Desta vez a oferta, no valor de 7,075 mil milhões de euros, veio dos fundos de investimento Apax e Bain, poucos dias após a multimilionária angolana Isabel dos Santos ter visto a sua proposta ser recusada pela operadora brasileira.

oi

A oferta do Apax e do Bain vem eclipsar a que fora avançada pela Altice sobre os negócios da Portugal Telecom. A OPA da empresa francesa de telecomunicações foi, assim, superada em 50 milhões de dólares, mas continua em cima da mesa.

À semelhança do que a Altive propusera, a oferta do Apax e do Bain (aos quais não se juntou a CVC, como o Negócios havia avançado) não abarcam “os investimentos da PT Portugal na África, o endividamento da PT Portugal e os investimentos na Rio Forte Investments”, clarificou a Oi em comunicado.

A proposta fora já remetida para o Conselho de Administração de uma das maiores empresas brasileiras de telecomunicações, que decidirá os termos do acordo.

Também a OPA final terá de ser submetida à aprovação dos Comités de Investimentos do Apax e do Bain.

É ainda considerado na proposta avançada pelo Apax e pelo Bain dois pagamentos diferidos de 400 milhões de euros cada: um dependente das receitas geradas no futuro, e outro subjugado ao EBITDA.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor