Novas tecnologias podem ajudar consumidores a poupar

Negócios

Há aplicações para tudo. Controlar os gastos, o pagamento de faturas, escolher os melhores hotéis, os postos de gasolina mais próximos. Há ainda aplicações dos sites de desconto e os monitorizam ao pormenor todos os gastos que fazemos. Um verdadeiro “Big Brother” das finanças pessoais. A “B!T” dá-lhe algumas sugestões. Os portugueses estão cada vez

Há aplicações para tudo. Controlar os gastos, o pagamento de faturas, escolher os melhores hotéis, os postos de gasolina mais próximos. Há ainda aplicações dos sites de desconto e os monitorizam ao pormenor todos os gastos que fazemos. Um verdadeiro “Big Brother” das finanças pessoais. A “B!T” dá-lhe algumas sugestões.

mint-iphone

Os portugueses estão cada vez mais racionais e responsáveis no que diz respeito ao consumo, diz um estudo da Cetelem para celebrar o dia Mundial da Poupança, que se assinala hoje. O mesmo estudo evidencia que a principal preocupação continua a ser o preço e, por esse motivo, os consumidores não hesitam em usar as novas tecnologias para poupar. E há várias maneiras de o fazer. Primeiro, através de uma pesquisa pela Internet, que permite consultar informação sobre os produtos que se quer adquirir, tornando a compra mais inteligente.

Outro, e até porque a mobilidade ganha cada vez mais terreno, é a utilização dos smartphones. Aliás, este estudo publicado pela Cetelem indica que 41% dos inquiridos utiliza o seu smartphone para comparar os preços dos produtos e a percentagem considerável que ainda não o faz (32%), acredita que é um método muito útil.

No top de aplicações para smartphones nota-se uma clara preferência por ferramentas que respondam a necessidades reais, defende o documento. Ou seja, aplicações que sirvam para comparar os preços dos produtos com os de outras lojas ocupam o primeiro lugar do top de aplicações esperadas nas lojas pelos consumidores.

Mas então como podemos transformar o nosso smartphone um instrumento de poupança? Através das tais aplicações, comummente abreviadas para apps. As “ajudas” podem vir de várias formas. Desde ajudarem a gerir as despesas mensais, descobrir o posto de gasolina mais barato na sua zona ou combinar uma boleia para ir para o trabalho. Há de tudo. Um smartphone pode ainda ser uma importante ferramenta financeira no sentido em que o faz perceber para onde vai o seu ordenado e onde é que podemos poupar. O simples café, o jornal de fim de semana, aquela prendita para o filho mais novo… Despesas que normalmente nem contabilizamos, mas que no final do mês acabam por ser uma parte substancial do nosso rendimento. Na verdade, se soubermos onde gastamos, no mês seguinte é mais fácil poupar.

Mas o melhor será mesmo dar algumas sugestões.

Comecemos pelo “Spending Tracker”, que é gratuito e corre no sistema iOS ou seja, nos iPhones. Esta aplicação permite gerir as receitas e despesas pessoais, elaborar relatórios estatísticos semanais, mensais ou anuais, e até obter gráficos da evolução de categorias, para perceber, por exemplo, quanto é que o entretenimento pode estar a ganhar terreno às despesas fixas. O único senão é que a aplicação está em inglês. Mas, caso faça questão de ser em português, sempre tem o “Ebudget”, oferecido pelo Best Bank, apesar de não precisar de ser cliente do banco. Esta aplicação também é gratuita e corre em Android e iOS. Pode ainda tentar o “Toshl Finance” ou o “Minhas Despesas”.

Outro bastante agradável é o “Homebudget with sync”. Uma aplicação que promete seguir o rasto às suas despesas. É outra app concebida para ajudar a fazer o orçamento familiar, controlar para onde vai o dinheiro e controlar as despesas mensais. Através desta ferramenta poderá fazer um rastreamento das despesas e rendimentos. Disponível para Iphone.

Já o “My Budget Book”, bastante citada por revistas e blogues da especialidade, para além de controlar as entradas e saídas de dinheiro, permite “antecipar” como serão as suas despesas nos próximos tempos ao analisar os movimentos pontuais e fixos. A aplicação também fornece gráficos da sua situação financeira, o que torna mais fácil o planeamento das compras do próximo mês.

Por último nesta categoria, o “My Wallet”, que permite manter o controlo do orçamento. Aqui é possível inserir o vencimento e os gastos nas diversas categorias – créditos, transportes, alimentação…. A aplicação mostra através de gráficos e percentagens onde tem gasto mais, semanal, mensal e anualmente. Está disponível para Iphone, Ipad e Android.

Vamos agora a outro tipo de aplicações. Por exemplo, a “Quicky”, pode ser a resposta ideal para quem se costuma “perder” a fazer compras. Basicamente, esta app não é mais do que uma lista de compras virtual que lhe permite adicionar as suas compras a um carrinho virtual marcando o que já tem. Ora, assim, torna-se bastante mais complicado comprar coisa que não sejam essenciais.

Outra app que pode ser bastante útil é a “MoneyMentor Free”. Isto porque o pode ajudar a fazer um orçamento de forma a conseguir baixar a sua dívida, enviar alertas se estiver a exceder os objetivos, lembrar-lhe das contas para pagar, anotar as despesas e verificar os movimentos da conta. Esta app é para Blackberry.

Caso queira saber como andam os mercados financeiros, sugerimos que instale a “Bloomberg Mobile”. Para além de ajudar a gerir as suas poupanças tem ainda a função de o manter informado sobre as últimas notícias dos mercados. Também para Blackberry, esta aplicação baseia-se no terminal da Bloomberg, e fornece, em tempo real, notícias, cotações de empresas e gráficos dos ativos financeiros.

Os sites dos descontos também pode ser uma boa forma de poupar dinheiro. A conhecida Groupon tem uma aplicação para smartphone, quer Android quer iOS que acumula as promoções em diversas áreas como lojas, serviços, restaurantes, hotéis, viagens, decoração e muitas outras propostas., de resto como no seu site.

Depois, há sempre forma, cada vez mais, de utilizar programas ou aplicações como o WhatsApp para poupar nas comunicações, apesar desta app ser mais popular entre as camadas mais jovens da população. Ou pode ainda optar pelo clássico “Skype”, através do qual pode enviar mensagens, fazer chamadas telefónicas ou videochamadas.

A Trivago, pode ser muito útil na procura de hotéis, pois compara os preços de mais de 200 sites de reserva de hotéis e identifica qual a melhor proposta, de acordo com a pesquisa efetuada. Outra sugestão é a “Hotels.com” que permite reservar as melhores ofertas de alojamento em mais de 140 mil hotéis em cerca de 200 países.

E já que estamos a falar de viagens, sempre útil ter à mão o “ConvertPad-Unit”, uma calculadora que inclui também um conversor com mais de 160 moedas.

Mais para uso “doméstico” e das puras finanças pessoas, aconselhamos o “M.Faturas”. Apesar de só disponível para Android esta app avisa-o dos limites de pagamento das suas faturas e ainda lhe fornece gratuitamente todos os dados das faturas por pagar de água, luz, gás ou Internet. Por outro lado, o “SalarioPT” consegue calcular o seu salário e respetivos descontos. Esta aplicação só está disponível para Windows Phone;

Por último, uma “Calculadora de Descontos” que permite perceber qual o valor do desconto em relação ao preço original.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor