Nest da Google vai comprar Dropcam

NegóciosSoftware

A Nest Labs, especializada em automação doméstica e comprada pela Google, vai adquirir a startup de segurança Dropcam por 555 milhões de dólares, uma estratégia que visa fortalecer as suas ofertas para as chamadas “casas inteligentes”, residências nas quais redes de múltiplos dispositivos fornecem serviços através de uma banda larga de alta velocidade. Apesar de

A Nest Labs, especializada em automação doméstica e comprada pela Google, vai adquirir a startup de segurança Dropcam por 555 milhões de dólares, uma estratégia que visa fortalecer as suas ofertas para as chamadas “casas inteligentes”, residências nas quais redes de múltiplos dispositivos fornecem serviços através de uma banda larga de alta velocidade.

dropcam

Apesar de terem sido já avançados os valores monetários envolvidos no negócio, a Nest, na passada sexta-feira, disse que os termos do acordo estão ainda sujeitos a alterações.

A empresa comprada pela Google no início deste ano por 3,2 mil milhões de dólares produz termóstatos digitais e detetores de fumo que podem ser acedidos e calibrados recorrendo a dispositivos móveis.

Por seu lado, a Dropcam concebe câmaras in-home que são instaladas em qualquer parte da casa e podem ser acedidas através de um smartphone, em qualquer parte do mundo, o que vai permitir à Nest ampliar o seu portefólio de produtos para segurança doméstica.

Esta aquisição evidencia o desejo da Nest em tornar-se uma maior força na esfera dos connected devices para consumo.

“Nós preocupamo-nos profundamente em ajudar as pessoas a estarem em constante contacto com as suas casa, especialmente quando estão fora”, afirmou Matt Rogers, co-fundador da Nest.

Esta aquisição insere-se num movimento tecnológico conhecido como “Internet das Coisas”, espelhando uma tendência crescente de aparelhos e objetos domésticos ligados à Grande Rede e controláveis via dispositivos móveis.

Os dados gerados por estas redes de aparelhos prendem-se com os hábitos e com a utilização que a pessoa faz destas aparelhagens.

Contudo, especialistas em segurança e privacidade em todo o mundo expressaram as suas preocupações relativamente à utilização destas informações por parte da Google, recolhidas pela sua subsidiária Nest. Esta última, no entanto, assegurou que os dados por ela recebidos serão armazenados separadamente dos da empresa-mãe.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor