Microsoft lança novas soluções para levar empresas às nuvens

Cloud

A Microsoft vai lançar, no próximo dia 18, uma nova gama  de produtos e serviços empresariais para ajudar as empresas a tirarem maior partido das potencialidades e oportunidades oferecidas pelo cloud computing, dando assim resposta aos desafios que se colocam atualmente na área de TI. Adicionalmente ao Office 365, estas novas ofertas estão alinhadas com

A Microsoft vai lançar, no próximo dia 18, uma nova gama  de produtos e serviços empresariais para ajudar as empresas a tirarem maior partido das potencialidades e oportunidades oferecidas pelo cloud computing, dando assim resposta aos desafios que se colocam atualmente na área de TI. Adicionalmente ao Office 365, estas novas ofertas estão alinhadas com a estratégia cloud da Microsoft para  o mercado empresarial, disse a empresa em comunicado de imprensa.

cloud

De acordo com Satya Nadella, vice-presidente executivo da área Cloud and Enterprise na Microsoft Corp, “à medida que as empresas forem migrando para a cloud, assistiremos a uma crescente aposta em fornecedores que possuam as melhores aplicações e serviços, que operem uma cloud pública global que suporte um vasto ecossistema de serviços de terceiros e que assegurem uma mobilidade multicloud através de soluções realmente híbridas. E é aqui que a Microsoft reforça a sua proposta de valor, através de um conjunto de soluções integradas que respondem de forma concreta às necessidades de cada área de negócio.”

Para ajudar os clientes a construir a infraestrutura de TI que disponibiliza serviços e aplicações contínuos através dos vários modelos de cloud, a Microsoft vai lança o Windows Server 2012 R2 e o System Center 2012 R2. No comunicado, a empresa explica que em conjunto, estes novos produtos permitem às empresas criar centros de dados sem fronteiras, utilizando o Hyper-V para virtualização em larga escala e armazenamento de elevado desempenho a custos substancialmente inferiores. “O funcionamento em rede unificada, definida por software e a gestão da continuidade de negócio materializam a cloud privada ou híbrida. O Windows Azure é executado no Windows Server e no System Center, as mesmas tecnologias existentes para a implementação privada, possibilitando às empresas e aos fornecedores de serviços oferecerem plataformas e infraestrutura self-service a partir dos respetivos centros de dados de uma forma integrada e com ferramentas já suas conhecidas”.

O comunicado explana ainda que com base nestas plataformas híbridas na cloud, os clientes podem utilizar o Visual Studio 2013 e o novo .NET 4.5.1 para criar aplicações modernas para dispositivos e serviços. “À medida que o desenvolvimento de software se torna universal em cada empresa, a nova solução Visual Studio 2013 Modern Lifecycle Management ajuda as equipas de desenvolvimento, comerciais e gestores de TI a construir e a desenvolver aplicações melhores, com maior rapidez e performance“.

Reconhecendo que a maior parte das empresas irão adotar uma abordagem híbrida da cloud, a Microsoft quer ajudar os clientes a canalizar os seus investimentos em soluções de software que permitam a adopção deste modelo de cloud computing, assegura a empresa norte-americana no comunicado cedido à imprensa portuguesa. “Neste âmbito, a 1 de novembro, a Microsoft vai oferecer aos clientes com Acordo Empresarial (EA) descontos sobre o preço do Windows Azure, independentemente do compromisso prévio, sem penalidades por utilização excessiva e com flexibilidade de pagamentos anuais.”

Ainda neste âmbito e apostada em reduzir as barreiras à adoção da cloud, a Microsoft anunciou uma parceria estratégica com a Equinix Inc., disponibilizando no futuro aos clientes “ainda mais opções para ligações privadas e mais rápidas à cloud. Os clientes poderão assim ligar as suas redes ao Windows Azure em localizações de mudança da Equinix para um débito, disponibilidade e funcionalidades de segurança mais avançados.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor