Microsoft espera luz verde da UE para adquirir a Nokia

e-RegulaçãoLegalNegócios

A Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos já deu o sim ao processo de compra da Nokia pela Microsoft, mas ainda falta a autorização do organismo europeu. O processo de análise da Europa está a ser mais demorado do que o dos Estados Unidos, o que se manifesta no atraso do negócio. A compra

A Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos já deu o sim ao processo de compra da Nokia pela Microsoft, mas ainda falta a autorização do organismo europeu.

NokiaO processo de análise da Europa está a ser mais demorado do que o dos Estados Unidos, o que se manifesta no atraso do negócio. A compra da unidade de telemóveis pela multinacional norte-americana já foi anunciada no passado mês de setembro.

Esta operação leva a Microsoft a desembolsar 7,2 mil milhões de dólares, ou seja, 5,1 mil milhões de euros e a reorientar o seu posicionamento no mercado, pois deixa de ser uma empresa quase exclusivamente dedicada ao software, começando a abraçar definitivamente o mercado do hardware.

“Aguardamos pelo momento em que os nossos parceiros da Nokia se tornaram membros da família Microsoft e estamos muito satisfeitos pelo facto de o Departamento de Justiça ter aprovado o negócio sem limitações”, disse um responsável da empresa.

É esperada para os próximos dias a decisão europeia em relação aos impactos do negócio para a concorrência na região. Segundo cálculos feitos pela Reuters no passado mês de setembro, o prazo legal para uma decisão termina já amanhã.

Se na União Europeia não existirem objeções ao negócio, a decisão é definitiva, mas se houver, o processo entra numa fase de investigação aprofundada durante mais três meses.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor