Lufthansa quer vender segmento de TI

Negócios

A unidade de Tecnologias de Informação da companhia aérea Lufthansa está a ser alvo do interesse de várias empresas tecnológicas como a IBM, a Atos, e a Hewlett-Packard. Depois de no início deste mês a alemã Lufthansa ter revelado que procurava um comprador para o seu segmento de TI, parte da unidade Lufthansa Systems, esteve

A unidade de Tecnologias de Informação da companhia aérea Lufthansa está a ser alvo do interesse de várias empresas tecnológicas como a IBM, a Atos, e a Hewlett-Packard.

lufthansa

Depois de no início deste mês a alemã Lufthansa ter revelado que procurava um comprador para o seu segmento de TI, parte da unidade Lufthansa Systems, esteve já envolvida em negociações preliminares com partes interessadas, potenciais compradoras.

A infraestrutura de TI, que integra data centers, redes de operações e de telecomunicações, exige um grande investimento, e justificada fica, assim, a decisão da companhia aérea.

A Lufthansa Systems, será então segmentada em três subunidades: a de Infraestrutura, a de Soluções Aéreas e a de Soluções Industriais.

A parcela de Infraestrutura é aquela que a Lufthansa está a querer vender, pois as restantes duas manter-se-ão como parte da empresa germânica.

“Estamos em negociações com grandes forças do setor acerca da aquisição da infraestrutura de TI, e queremos assegurar a maior parte dos postos de trabalho aquando da venda”, confirmou Simone Menne, diretora financeira da Lufthansa em entrevista a uma publicação alemã.

Embora a divisão de TI tenha sido responsável por 40 por cento do total do volume de negócios da Lufthansa Systems, gerara somente 25 por cento de todo o lucro da unidade.

Os analistas adivinham que as ofertas rondem a casa das dezenas de milhões de euros.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor