Konica Minolta apresenta novidades em Hannover Messe

EmpresasInovaçãoNegócios

A Konica Minolta está presente na Hannover Messe, na Alemanha, a apresentar soluções diversas e também tecnológicas para os desafios vividos pelas fábricas e indústria, de forma geral. O evento começou a 24 de abril e termina hoje, dia 28.

Tal como no ano passado, a empresa volta ao maior evento B2B com especialistas em tecnologia industrial para apresentar novas soluções para a indústria de produção. Com o objetivo de vir a liderar a Produção Digital, a Konica Minolta tem vindo a implementar, nas suas operações a nível mundial, soluções baseadas em ICT e IoT para novos sistemas de produção independentemente de pessoas, lugares, países ou flutuações.

Segundo a empresa, as propostas aumentam drasticamente a eficiência das operações e melhoram a qualidade do processo de produção ao longo de toda a cadeira de fornecimento.  As soluções da Konica Minolta reúnem, analisam e processam informação de forma automática no controlo de qualidade, logística ou assemblagem, e efetuam um controlo nos locais de produção e na cadeira de fornecimento ao combinarem o Workplace Hub (uma nova e inovadora plataforma Edge IoT para reunir, analisar e partilhar dados nos locais de produção) com recurso a dispositivos que tiram o máximo partido das tecnologias core da empresa em termos de processamento ótico e de imagem para reunir o estado de pessoas e bens. 

As soluções apresentadas pela empresa são as seguintes:

Workplace Hub:  plataforma Edge IoT para a recolha, análise e partilha de dados

Controlo de Qualidade: aumenta a eficiência e exatidão dos controlos de qualidade ao longo da cadeia de fornecimento pela automatização da inspeção visual de veículos, garantindo a gestão de cores nomeadamente através de inspeções muito rigorosas de cor e brilho no interior e exterior e empregando novas tecnologias para inspeções não-destrutivas.

Controlo de qualidade integrado através da automatização do processo de inspeção e de gestão de dados: garante segurança e transparência com base na monitorização de bens ao longo do processo de logística e reduzindo erros humanos nas operações de expedição, que foram completamente automatizados, conjugando autenticação com o número de licença recorrendo a câmaras com ligação RFID à informação das embalagens desde o recibo até à expedição.

Otimização do processo de assemblage: oferece valor que inova o processo de produção (por exemplo com colaboração entre robots e pessoas; trabalhar o apoio, reunião e análise de dados recorrendo a dispositivos wearable).

Processo de otimização baseados em condition monitoring e remote sensing: sistema de condition monitoring que garante segurança nos locais de produção ao recolher e permitir visualizar um conjunto de atributos e dados de movimento dos colaboradores, como forma de otimizar o layout e processos para melhorar as taxas de operação.

Já no campo tecnológico, a empresa contempla duas propostas: o recente display 3D ARHead-Up (Advanced Driver Assistance System) que é o primeiro display deste género no mundo, e a Iluminação OLED (Organic Light Emitting Diode), uma forma nova de iluminação tão fina como uma folha de papel, muito leve e mais flexível  do que nunca.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor