Já são conhecidos os três finalistas do Prémio Nação Inovadora

Projetos

Os três de finalistas do Prémio Nação Inovadora, promovido pela Audi e SIC Notícias, já foram selecionados. A investigadora Ana Patrícia Ferraz, Gonçalo Fortes, fundador e CEO da Prodsmart e Miguel Neiva, designer fundador da Color Add, foram os perfis mais votados pelo público. Considerados os mais inovadores, estes três talentos irão agora disputar o grande prémio.

Durante cerca de dois meses, as histórias dos 25 talentos nacionais nomeados ao Prémio Nação Inovadora foram contadas e divulgadas na SIC Notícias e no site www.nacaoinovadora.pt, onde o público foi convidado a selecionar o seu perfil favorito.

A vontade de inovar e de contribuir para a qualidade de vida das pessoas, levou Ana Patrícia Ferraz a desenvolver o protótipo de um sistema para a determinação de testes pré-transfusionais de sangue, que desempenha um papel essencial nas situações de emergência médica.

Na área do empreendedorismo também se destacou Gonçalo Fortes, o profissional de 34 anos que fundou o software Prodsmart que permite aumentar a produtividade dos trabalhadores ao disponibilizar-lhes equipamentos móveis para cada passo das linhas de manufatura.

Miguel Neiva é o terceiro nome na lista dos finalistas. O seu projeto Color Add, um sistema de leitura de cores pensado para daltónicos e com potencial para mudar a vida dos que sofrem desta condição, conquistou o público.

O projeto Nação Inovadora entra assim na sua fase final e em breve será revelado o grande vencedor. A escolha do primeiro lugar caberá a um júri, composto pelos cinco embaixadores desta iniciativa, um elemento da Audi e SIC Notícias e dois representantes de duas entidades públicas e privadas ligadas à inovação.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor