Itautec e Oom destacam importância da inovação tecnológica

EmpresasNegócios

A Itautec e a Oom estiveram juntas na terceira edição do inRetail Congress para destacar a importância da inovação tecnológica no desenvolvimento do negócio dos clientes e na melhoria das suas experiências de compra. Segundo o general manager da Itautec, Miguel Major, o mercado do retalho nacional está recetivo à inovação tecnológica e essa recetividade deve-se também às vantagens

A Itautec e a Oom estiveram juntas na terceira edição do inRetail Congress para destacar a importância da inovação tecnológica no desenvolvimento do negócio dos clientes e na melhoria das suas experiências de compra.

social-media-innovationSegundo o general manager da Itautec, Miguel Major, o mercado do retalho nacional está recetivo à inovação tecnológica e essa recetividade deve-se também às vantagens comerciais que resultam desta modernização no setor.

“A procura constante de ferramentas que proporcionem vantagens competitivas, quer nos locais de venda, quer nos bastidores, é uma das razões pelas quais os retalhistas estão a apostar na inovação, integrando cada vez mais as novas tecnologias nas suas operações”, diz Miguel Major.

Segundo o responsável, o mercado do retalho em Portugal “é claramente um ambiente de alta tecnologia, estando ao nível do melhor que se faz em todo o mundo. Consideramos que está a haver uma resposta muito positiva a esta tendência e que o mercado do retalho está a adaptar-se bem e a um ritmo considerável”.

O general manager avança que as perspetivas de crescimento de inovação nesta área são bastante otimistas e que o retalho no nosso país tem sido um setor que se atualiza e reinventa constantemente e que sabe evoluir à medida que a tecnologia e o próprio consumidor evoluem.

A Itautec está atualmente a adotar ferramentas de self-checkout e destaca a notoriedade conquistada pelo mobile. “Acreditamos que nos próximos três a seis anos já se verifique uma transformação bastante evidente no sentido da combinação de canais, com a proliferação do mobile e a aposta na personalização dos serviços prestados não só em loja, mas também fora dela”, refere Miguel Major.

A Itautec mostra-se assim empenhada em responder às novas necessidades de negócio na área do retalho.

Ana Oliveira, head comercial andmarketing da Itautec, defende que a mobilidade e a utilização de aplicações móveis podem trazer benefícios para os retalhistas e para os consumidores: “Estamos perante uma nova realidade, que se traduz na desmaterialização do processo de venda, o que não significa que os pontos de venda físicos vão ser substituídos, mas sim que os vários canais se vão sobrepondo, contribuindo para uma shopping experience otimizada”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor