iPhone 6 com vendas recorde nos três primeiros dias

Negócios

A Apple conseguiu já vender mais de dez milhões de iPhones 6, apenas três dias após o smartphone ter-se estreado no mercado dos dispositivos móveis. Os analistas haviam predito que as vendas dos modelos iPhone 6 e iPhone 6 Plus excederiam, no primeiro fim-de-semana após atingirem as prateleiras, os dez milhões de aparelhos vendidos. Tendo

A Apple conseguiu já vender mais de dez milhões de iPhones 6, apenas três dias após o smartphone ter-se estreado no mercado dos dispositivos móveis.

iphone 6

Os analistas haviam predito que as vendas dos modelos iPhone 6 e iPhone 6 Plus excederiam, no primeiro fim-de-semana após atingirem as prateleiras, os dez milhões de aparelhos vendidos.

Tendo começado a dar os primeiros passos nos mercados mobile de uma dezena de países, os mais recentes membros da família iPhone conseguiram atingir pré-encomendas de mais de quatro milhões de dispositivos no passado dia 12 de setembro, ensombrando os dois milhões de encomendas do seu antecessor iPhone 5, no mesmo período de 2012.

Nas primeiras horas desta segunda-feira, as ações da Apple subiram 0,8 por cento, avaliando cada uma em 101,84 dólares.

Tim Cook afirmou que apesar de a produção dos dispositivos ter sido aprimorada, poderiam ter sido vendidos mais aparelhos caso tivesse existido um maior fornecimento.

Em 2013, a Apple conseguiu vender nove milhões de modelos 5s e 5c dos seus iPhone em onze países no primeiro fim-de-semana em que chegaram às lojas.

Contudo, na China, o maior mercado de smartphones do mundo, as entidades reguladoras não permitiram ainda que os telemóveis da Apple pudessem ser vendidos.

A tecnológica californiana avançou que muitos consumidores norte-americanos teriam de esperar para poderem deitar a mão aos novos iPhones, resultado da intensa e assoberbante procura.

O dispositivos, segundo a empresa liderada por Tim Cook, disse que os iPhone 6 chegarão a uns adicionais 25 países no próximo dia 26 de setembro, e, até ao fim do ano, terão chegado a mais 115 países.

O smartphone integrará também o ansiado Apple Pay, a funcionalidade que permitirá converter o iPhone num dispositivo de pagamento eletrónico. A empresa confirmou que em outubro os utilizadores nos Estado Unidos serão os primeiros a usufruir do serviço, ao passo que os outros países terão ainda de esperar – não se sabe ainda por quanto tempo.

Este fim-de-semana, o iPhone 6 passou com distinção nos testes de resistência e fragilidade da Square Trade, o Breakability Test, elevando-se acima de todos os seus concorrentes.

Submetidos ao teste da resistência à água, ambos os modelos, enquanto submersos, perderam temporariamente a capacidade de emissão de som, recuperando-a alguns minutos mais tarde.

No teste da resistência às quedas, que consistiu em deixar cair, por seis vezes consecutivas, o iPhone de uma altura de 1,2 metros, registou-se um desempenho expressivamente positivo por parte do iPhone 6, ao passo que o modelo 6 Plus não recebeu a melhor classificação, pois apesar do ecrã reforçado a iões ter saído intacto, os painéis dianteiro e traseiro sofreram danos consideráveis. O áudio, cerca de meia hora após os testes, deixou de funcionar.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor