Investimentos em analítica deverão crescer em aeroportos, diz Unisys

Big DataData-Storage

Uma nova pesquisa da Unisys indica que especialistas em aeroportos esperam utilizar mais soluções de Data Analytics nos próximos anos, com potenciais aplicações em diversas áreas importantes neste setor.

A maioria dos entrevistados (59%) afirmou ter planos de investir em soluções de análise avançada de dados num período que varia entre um e cinco anos. Destes, apenas 3% disseram não ter planos de investir em analítica de nenhuma forma e menos de um terço (31%) afirmou que já usar esse tipo de solução.

Os entrevistados se mostraram mais interessados em aplicar soluções de Data Analytics  numa ampla gama de operações importantes para os aeroportos e recursos oferecidos para os consumidores, incluindo o fluxo de passageiros (27%), monitorização de ativos e operações aeroportuárias (22%); geolocalização e sistemas de sinalização nos aeroportos (22%); além de hábitos de compra dos passageiros nas lojas (15%).

Quando questionados sobre os maiores obstáculos enfrentados na implementação de uma solução de analítica, 27% dos entrevistados indicaram que a maior preocupação é a compatibilidade com os atuais sistemas dos aeroportos. Falta de orçamento (24%), insuficiência de recursos (18%) e questões associadas à segurança/privacidade (18%) foram mencionadas como outras preocupações relevantes.

“Esta pesquisa deixa claro que os aeroportos percebem como a transformação digital é importante para que possam permanecer competitivos e ter sucesso no futuro”, disse Dheeraj Kohli, líder global da vertical de Transporte Aéreo da Unisys. A empresa fornece soluções e serviços para aeroportos e serve atualmente 100 localidades ao redor do mundo.

“Como provedora de soluções para aeroportos, a Unisys entende como as soluções de Data Analytics podem ser valiosas para os aeroportos. Elas não só podem ser usadas em diversas operações, como os dados gerados pelas ferramentas e por modelos preditivos também auxiliam os aeroportos a aprimorar a experiência que oferecem aos passageiros, enquanto elevam seus próprios níveis de eficiência, organização e rentabilidade”, conclui.

A Unisys realizou a pesquisa durante a Airports Council International – Conferência Anual e Assembleia Geral na América do Norte, realizada em Montreal em 2016.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor