Investigador da Universidade do Minho recebe Prémio Científico IBM

Business IntelligenceData-StorageSoftware

O Prémio Científico IBM referente ao ano de 2013 distinguiu o trabalho de um investigador do ‘HASLab’, centro de investigação da Universidade do Minho, associado ao INESC TEC. O premiado é Alexandre Madeira, de 34 anos, doutorado em Ciências da Computação pela Universidade do Minho. O investigador venceu a 24ª edição do Prémio Científico IBM

O Prémio Científico IBM referente ao ano de 2013 distinguiu o trabalho de um investigador do ‘HASLab’, centro de investigação da Universidade do Minho, associado ao INESC TEC. O premiado é Alexandre Madeira, de 34 anos, doutorado em Ciências da Computação pela Universidade do Minho.

Alexandre_Madeira

O investigador venceu a 24ª edição do Prémio Científico IBM com o projeto “Hibridização de Lógicas: uma abordagem genérica à reconfigurabilidade de software”.

O júri do Prémio Científico IBM 2013, reunido no dia 31 de Maio, decidiu atribuir o prémio a este trabalho por ser inovador e tecnicamente muito sólido, na fronteira entre a teoria da computação e a matemática, e motivado por problemas concretos da indústria de software para o desenvolvimento de métodos de especificação de sistemas reconfiguráveis.

Esta investigação foi desenvolvida no âmbito do programa doutoral MAP-I, que integra as universidades do Minho, Porto e Aveiro, onde foi orientado pelos docentes investigadores Luís Soares Barbosa (departamento de Informática da Universidade do Minho), Manuel António Martins (departamento de Matemática da Universidade de Aveiro) e Razvan Diaconescu (Instituto de Matemática Simion Stoilow, na Roménia).

Refira-se que o Prémio Científico IBM, no valor de 15 mil euros, pretende distinguir o contributo de trabalhos de investigação para o desenvolvimento das Ciências da Computação e Tecnologias da Informação em Portugal.

“Localizo o campo em que tenho desenvolvido investigação na aplicação, desenvolvimento e combinação de lógicas para o projeto rigoroso de software. As contribuições mais significativas que desenvolvi até ao momento centram-se essencialmente na especificação axiomática de sistemas computacionais, lógicas híbridas e teoria das instituições”, refere Alexandre Madeira.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor