Investidor aposta na IBM e demonstra fé em Rometty

Business IntelligenceData-StorageNegócios

A Berkshire Hathaway aumentou em 9,2 por cento a sua participação na IBM. A aposta da empresa do investidor multimilionário Warren Buffett demonstra confiança na capacidade da tecnológica para singrar no universo da computação cloud. Com pouco mais de 80 milhões de ações, a Berkshire Hathaway é a maior investidora da International Business Machines, cuja

A Berkshire Hathaway aumentou em 9,2 por cento a sua participação na IBM. A aposta da empresa do investidor multimilionário Warren Buffett demonstra confiança na capacidade da tecnológica para singrar no universo da computação cloud.

warren buffett

Com pouco mais de 80 milhões de ações, a Berkshire Hathaway é a maior investidora da International Business Machines, cuja CEO Ginni Rometty tem procurado delinear uma estratégia de crescimento sólida que volte a colocar a empresa na esfera da rentabilidade, agora que se move no universo da cloud.

A Bloomberg disse que a diretora executiva tem focado as suas atenções no reforço das vendas dos seus mais recentes portfólios de computação cloud e de ferramentas de análise de dados. Desta forma, Rometty quer mitigar as quebras nos volumes de receitas, consequência da alienação de negócios menos rentáveis. A agência noticiosa afirmou que, depois de ter registado a primeira queda dos lucros ajustados em mais de dez anos, a IBM tem dado provas de estar determinada em apostar no segmento da cloud.

As ações da IBM subiram menos de um por cento, para os 161,50 dólares, depois de ter sido comunicada o aumento da participação da Berkshire Hathaway.

Buffett comprou a sua primeira fatia da IBM em 2011. Desde, então, o conjunto de ações em que o magnata investiu têm vindo a cair, descendo abaixo do preço que pagara inicialmente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor