Intel cria Internet of Things Solutions Group

EmpresasNegócios

A Intel criou uma nova business division direcionada para fazer dinheiro a partir de uma onda de nova tecnologia que pode ser conectada a um host de dispositivos eletrónicos. Tanto a Intel como outras empresas de tecnologia estão a apostar que aquilo a que chamam a “Internet das coisas” vai criar uma procura massiva por

A Intel criou uma nova business division direcionada para fazer dinheiro a partir de uma onda de nova tecnologia que pode ser conectada a um host de dispositivos eletrónicos.

Internet of ThingsTanto a Intel como outras empresas de tecnologia estão a apostar que aquilo a que chamam a “Internet das coisas” vai criar uma procura massiva por novos dispositivos e software.

Com a Intel a lutar para ter a certeza que não é “apanhada” desprevenida pelas futuras tendências tecnológicas, a nova divisão “Internet of Things Solutions Group” vai reportar diretamente ao Chief Executive Brian Krzanich.

A maior criadora de chips do mundo domina a indústria dos computadores pessoais mas tem demorado a adaptar os seus chips para que estes se adaptem facilmente a smartphones e tablets. Krzanich, CEO da empresa desde maio, fez com que o desenvolvimento de chips mobile fosse a grande prioridade dentro da Intel.

Em setembro, O CEO da Intel anunciou que a empresa estava a trabalhar numa nova linha de “ultra-small” e “ultra-low-power” microchips para dispositivos “wearable”, como smartwatches.

O novo grupo de soluções combina o focus existente no negócio da Intel em chips para dispositivos comerciais e industriais com a subsidiária Wind River que vende software para dispositivos comerciais e industriais. Doug Davis, general manager do grupo, afirmou que a empresa está “a juntar as peças que já são boas e queremos acelerar esses esforços. Isto cria um focus primário à volta da «Internet of Things»”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor