Intel apresenta próxima fase de Big Data Intelligence

Data-StorageEmpresasNegócios

A Intel apresenta a nova gama de processadores Xeon E7 v2, desenhada para computação de missão crítica e que inclui o maior suporte de memória da indústria, permitindo a rápida análise de grandes volumes de dados e o fornecimento de informação em tempo real. De forma a ajudar empresas de vários setores, desde o Retalho

A Intel apresenta a nova gama de processadores Xeon E7 v2, desenhada para computação de missão crítica e que inclui o maior suporte de memória da indústria, permitindo a rápida análise de grandes volumes de dados e o fornecimento de informação em tempo real.

unnamedDe forma a ajudar empresas de vários setores, desde o Retalho à Saúde, a transformar os seus dados em informação útil, a Intel lançou a sua nova gama de processadores. A utilização destes dados permite às empresas tomar decisões que irão melhorar os seus resultados a médio e longo prazo. A gama de processadores Intel Xeon E7 v2 possui novas capacidades de processamento e análise de grandes e diversificados volumes de dados.

“As empresas que alavancarem a utilização de dados para acelerar o conhecimento de negócio, terão uma grande vantagem na economia atual”, declarou Diane Bryant, vice-presidente sénior e General Manager do Intel Data Center Group. “O elevado desempenho, a capacidade de memória e a segurança da gama de processador Intel Xeon E7 v2 permitem às empresas de TI obter análises dos dados em tempo real”.

O Big Data e o Internet of Things estão a permitir que muitas empresas cresçam, na medida em que criam serviços altamente rentáveis através da informação a que têm acesso. O mercado de tecnologia e serviços Big Data deverá crescer 27 por cento ao ano até 2017.

Esta nova gama de processadores apresenta o triplo da capacidade de memória comparativamente à gama anterior, permitindo uma análise dos dados mais rápida e eficiente. A análise in-memory localiza e analisa conjunto inteiro de dados, como a base de dados completa de um cliente, na memória do sistema em vez de o fazer nas drives de disco.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor