Indra vai construir nova estação de controlo de satélites Galileo na Polinésia Francesa

ProjetosService-Provider

A Indra vai implementar uma nova estação de Telecomando e de Telecontrolo (TT&C) de satélites Galileo em Papeete, a capital da Polinésia Francesa. Estes satélites fazem parte do sistema europeu de navegação global.

O projeto foi encomendado pela britânica Airbus Defense and Space e pretende fortalecer o programa financiado pela União Europeia, uma alternativa ao GPS da América e ao sistema de navegação por satélite Glonass desenvolvidos pelos russos.

O contrato contempla ainda a manutenção e evolução de todas as estações TT&C até 2016, por um montante de 7,3 milhões de euros.

Diz a Indra que a nova estação na Polinésia Francesa permitirá ampliar o segmento térreo do programa Galileo. Assim, almeja-se aumentar o número de satélites em órbita de 8, atualmente, para 30 até 2020.

A tecnológica espanhola foi responsável pelo desenvolvimento de toda a rede de TT&C e de estações Uplink, que gerem atualmente os satélites integrados no programa Galileo. “As estações terrenas são, juntamente com os centros de controlo da Alemanha e Itália, os elementos chave do segmento terreno”, diz a empresa em comunicado. A Indra tem ainda a seu cargo os computadores centrais e software de controlo e processamento da rede de estações que monitorizam os sinais enviados pelos satélites Galileo.

A Indra fez parte do desenvolvimento de toda a infraestrutura de terra desde as primeiras fases do projeto europeu, que beneficiou do apoio da UE e da Agência Espacial Europeia.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor