Indra desenvolve sistema de treino para A320

Negócios

A Indra terminou o desenvolvimento do novo sistema de treino para pilotos do Airbus A320, iCAT e entregou já as primeiras unidades à sua cliente Beijin Capital Airlines que irá instalá-las nos seus centros de formação em Pequim e na Ilha de Hainan, onde irão ajudar a treinar pilotos de todo o Mundo. Sendo o

A Indra terminou o desenvolvimento do novo sistema de treino para pilotos do Airbus A320, iCAT e entregou já as primeiras unidades à sua cliente Beijin Capital Airlines que irá instalá-las nos seus centros de formação em Pequim e na Ilha de Hainan, onde irão ajudar a treinar pilotos de todo o Mundo.

indra

Sendo o A320 um dos aviões de passageiros mais utilizados em todo o mundo, treinar devidamente os pilotos para voarem estes aparelhos é um das preocupações das companhias aéreas. Em 2012, após adquirir à Indra dois simuladores completos, a Beijin solicitou uma solução para o sistema de treino de voos que complementasse os simuladores e oferecesse grande capacidade a custo reduzido.

A Indra incorporou então no iCAT o software utilizado nos simuladores completos de voo mas com a diferença de utilizarem ecrãs planos em vez de um sistema de projeção e simularem os controlos da aeronave em ecrãs tácteis, incorporando apenas, a nível de sistemas físicos, os comandos de voo e do motor, a unidade de controlo de voo e o dispositivo de comunicações onde os pilotos inserem dados. Estas diferenças ajudam a reduzir significativamente o preço de desenvolvimento e manutenção.

Estes dois novos sistemas permitirão aos pilotos familiarizarem-se primeiro com a aeronave e realizar um número significativamente superior de horas de voo simulado de forma a tirarem depois todo o partido da utilização dos simuladores completos. Os iCAT incorporam uma base de dados de todos os aeroportos do mundo, permitindo aos pilotos treinarem aterragem e descolagem em qualquer um deles, customizando ainda as condições meteorológicas e se o fazem de dia ou de noite.

Para além disso, permitem ainda treinar todos os procedimentos normais e de emergência do manual de voo do A320 pois reproduzem qualquer falha que possa ocorrer na aeronave. Poderão ainda ser adaptados de forma a servirem para o treino de voo de outras aeronaves, através da alteração de padrões de voo.

A Indra é um dos mais importantes fabricantes de simuladores de voo do mundo. Foi a primeira a implementar um simulador de voo de helicóptero em solo chinês quando instalou um simulador do EC225 no centro de formação da Airbus em Pequim, tendo já posteriormente fornecido este tipo de simuladores para Malásia e Japão. Para além da Beijing Capital Airlines, a empresa tem mais de cinquenta clientes espalhados por 23 países.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor