IBM lança novo serviço de Cloud Object Storage

CloudData Center
0 0 Sem Comentários

A IBM pretende redefinir o armazenamento de dados na cloud. O novo serviço promete trazer uma nova definição de segurança, disponibilidade e custos de acesso a grandes quantidades de informação digital.

O anúncio surge depois da IBM ter adquirido a Cleversafe e consequentemente ter adotada a sua tecnologia SecureSlice. Na essência do novo serviço é combinado erasure coding com criptografia para mais segurança na dispersão dos dados.

A nova oferta de storage-as-a-servive IBM Cloud Object Storage permite que os clientes escalem grandes volumes de dados de forma rápida e fácil, nos seus centros de dados e nas suas clouds públicas ou privadas. O Cloud Object Storage vai aumentar drasticamente a flexibilidade e a segurança dos sistemas.

Robert LeBlanc, Senior Vice Presidente da IBM Cloud afirma que “à medida que os clientes continuam a movimentar as suas cargas de trabalho para a cloud híbrida há a necessidade de armazenar e gerir grandes volumes de dados digitais de um modo mais fácil, mais seguro e mais económico”. No que diz respeito ao fator económico esta nova solução representa uma poupança de 25% face à concorrência.

Em comunicado a IBM garante que “estas tecnologias são fundamentais” porque ajudam os clientes a satisfazer as suas necessidades de segurança e a manterem o acesso a dados críticos. O IBM Cloud Object Storage está disponível em dois formato: Cross Region Service e Regional Service.

O Cross Region Service envia dados até três regiões geográficas distintas espaçjados por centros de dados IBM Cloud. Em relação ao Regional Service mantém os dados em vários centros de dados numa determinada região. As duas opções de serviço fornecem a tecnologia SecureSlive e a encriptação erasure coding para garantir a proteção de dados.