IBM distingue jovem investigador açoriano do IST

CiênciaInovaçãoInvestigação

O trabalho de Ricardo da Silveira Cabral foi desenvolvido no âmbito da computação cognitiva e da visão computacional, ao capacitar a máquina das competências visuais dos humanos, com aplicação, por exemplo, na navegação e mapeamento de território.

O Prémio Científico IBM, que celebra esta edição os seus 25 anos, voltou a distinguir um trabalho de investigação do Instituto Superior Técnico (IST), desta feita do investigador Ricardo da Silveira Cabral, açoriano, de 29 anos, doutorado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores pelo programa conjunto entre o IST e a Carnegie Mellon University (CMU), em Pittsburgh, Estados Unidos. De momento, encontra-se a trabalhar nos laboratórios da Apple.

“Unificação de modelos low-rank para problemas de aprendizagem visual” é o título do trabalho vencedor desta edição. A tese de doutoramento de Ricardo da Silveira Cabral visa dar mais um passo na área da visão computacional, ao pretender levar o computador a ver como os humanos.

“Estudámos modelos de aprendizagem ‘low-rank’, que procuram a explicação mais simples possível para um conjunto de dados. No problema de aprendizagem ‘low-rank’ existem dois modelos principais propostos, um tradicional que foi descoberto há 30 anos, e outro que foi recentemente proposto como um substituto há 5 anos. Neste trabalho, descobrimos um modelo que engloba as duas estratégias e permite unificar as vantagens de ambos”, explicou o vencedor.

Como resultado, o projeto procura contribuir para o entendimento teórico destes modelos, e permitir, neste sentido, uma melhoria dos resultados em aplicações da área da visão à robótica, arquitetura, realidade virtual, efeitos especiais ou navegação e mapeamento de território.

“É uma honra receber este prémio, distinção científica de renome ao longo de 25 anos. Sinto-me muito feliz e orgulhoso em ter o meu trabalho junto dos nomes que têm sido premiados, cientistas com impacto mundial, que admiro e respeito”, sublinhou ainda.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor