IBM abre centro mundial de cloud em Lisboa

Business IntelligenceCloudData-Storage

A IBM anunciou a abertura de um centro de cloud em Lisboa, parte de um investimento de 1,2 mil milhões de dólares em 15 centros de cloud, para expandir a oferta de serviços em cloud computing. O centro fará parte da rede mundial de centros IBM que contará até ao final deste ano com 40 localizações. 

A IBM anunciou a abertura de um centro de cloud em Lisboa, parte de um investimento de 1,2 mil milhões de dólares em 15 centros de cloud, para expandir a oferta de serviços em cloud computing. O centro fará parte da rede mundial de centros IBM que contará até ao final deste ano com 40 localizações. 

ibm

“Através do seu centro de dados, a IBM oferece características ímpares de excelência em termos de capacidade e resiliência”, explica a empresa em comunicado, avançando que este centro está especialmente desenhado para cargas de trabalho e processos críticos de negócio, disponibilizando serviços tanto a grandes como a pequenas empresas e instituições.

“O centro oferece às empresas a agilidade necessária para competir de modo eficiente num mundo global e possibilita que as empresas e os organismos públicos possam oferecer serviços de qualidade aos cidadãos fazendo uma utilização racional dos recursos”, explica João Gonçalves, Diretor da Divisão de Global Technology Services & Strategic Outsourcing da IBM Portugal. ” Como o centro está integrado numa rede mundial, acredito que, por um lado, iremos ter empresas de outros países a escolher este centro em Lisboa para localizar as suas soluções cloud e, por outro, iremos trabalhar com empresas portuguesas que se estão a internacionalizar e têm aqui uma solução que lhes garante a localização física dos dados em Portugal, ao mesmo tempo que podem aceder a uma rede global. Nesse sentido, é uma solução única. “, sublinha ainda João Gonçalves.

Segundo a empresa, o novo centro de cloud da IBM disponibiliza:
– uma extensa gama de configurações distintas de infraestrutura como serviço, escaláveis e todas geridas pela IBM, incluindo imagens, capacidade computacional, capacidade de armazenamento e serviços de rede.
– diferentes tipos de serviços e pricing, adequados a qualquer tipo de empresa.
– um nível de segurança que permite às empresas incorporar ambientes de produção críticos em cloud e beneficiar das vantagens que traz esta tecnologia.

A IBM reportou uma receita anual recorde de 4,4 mil milhões de dólares em cloud computingem 2013 e, mais recentemente, um crescimento de 50% em cloud no primeiro trimestre de 2014.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor