Huawei também se envolve nos dispositivos wearables

MobilidadeNegócios

MWC 2014. A pulseira TalkBand B1 permite conversar por telefone e monitorizar a atividade física do utilizador. Além disso, a Huawei apresentou em Barcelona o phablet MediaPad X1. Não há dúvida. A tecnologia wearable é o segmento a colonizar. Por isso, uma a uma, todas as grandes empresas vão apresentado as suas próprias propostas. Samsung

cintillo-mwc2014MWC 2014. A pulseira TalkBand B1 permite conversar por telefone e monitorizar a atividade física do utilizador. Além disso, a Huawei apresentou em Barcelona o phablet MediaPad X1.

TalkBand B1Não há dúvida. A tecnologia wearable é o segmento a colonizar. Por isso, uma a uma, todas as grandes empresas vão apresentado as suas próprias propostas.

Samsung renovou o seu compromisso com os smartwatches apenas a algumas horas, com os seus dispositivos Tizen Gear 2 e Gear 2 Neo. E sem sairmos do mesmo cenário do Mobile World Congress (MWC), vimos também a primeira aposta wearable da Huawei.

Neste caso não se trata de um relógio, mas sim de uma pulseira batizada como TalkBand B1, que basicamente permite realizar as mesmas atividades.

Por uma parte, suporta até sete horas de chamadas sem fios via Bluetooth e, por outro lado, é capaz de controlar a atividade física, “incluídos os passos, os quilómetros percorridos e as calorias queimadas”, segundo informação dos seus responsáveis.

Também “regista de forma inteligente a duração e qualidade do sono e conta com um alarme inteligente e funções de dormir para melhorar o descanso”, avança.

A nível de especificações, tem um corpo flexível à base de materiais hipoalergénicos que deveriam evitar problemas a quem decide utilizar este gadget e um ecrã também flexível de 1,4 polegadas com tecnologia OLED, conta com uma bateria de 90 mAh, inclui auriculares, mede 14,6 milímetros de grossura, pesa 26 gramas e está pintada com seis cores distintas.

O seu preço? 99 euros. Ainda que de momento seja compatível apenas com Android e iOS, está previsto que no futuro funcione também com Windows Phone.

Isto não é tudo o que a Huawei deu desde a sua chegada a Barcelona. A gigante asiática desembarcou na Ciudad Condal com um bom lote de dispositivos móveis debaixo do braço, entre os que se destacam o seu phablet de sete polegadas MediaPad X1 e o seu tablet de 8 polegadas MediaPad M1, ambos com suporte para redes 4G.

Enquanto o primeiro tem o valor de 399 euros, o primeiro baixa para os 299 euros.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor