Huawei e Leica criam centro de I&D na Alemanha

Negócios
0 0 Sem Comentários

A Huawei e a Leica vão expandir a sua estratégia de colaboração com a inauguração de um centro de pesquisa e desenvolvimento que será gerido conjuntamente. Chama-se Max Berek Innovation Lab e o lançamento surge cinco meses após o lançamento do premiado Huawei P9.

O laboratório, localizado na sede global da Leica em Wetzlar, na Alemanha, foi apresentado com o objetivo de “reforçar o desenvolvimento de sistemas óticos e de tecnologias baseadas em software com vista a melhorar a qualidade de imagem num vasto leque de equipamentos móveis e de fotografia”.

Em comunicado, a empresa diz estar ainda prevista a criação de soluções de imagem computacional, de realidade aumentada (AR) e de realidade virtual (VR).

“Além dos recursos de I&D de ambas as empresas, a Huawei e a Leica planeiam colaborar com universidades internacionais e alemãs e com instituições de investigação”.

“Com a criação do Max Berek Innovation Lab, a Huawei e a Leica Camera AG estão a alargar o âmbito da sua parceria estratégica de sucesso e a estabelecer as bases para uma colaboração mais estreita no que diz respeito à pesquisa e desenvolvimento de tecnologias inovadoras no segmento de imagem”, enfatizou o Andreas Kaufmann.

“No futuro, mais de 90 por cento do tráfego de dados virá de imagens e vídeos”, disse Ren Zhengfei, CEO da Huawei. “O Max Berek Innovation Lab favorece o estabelecimento de uma parceria mais estreita com a Leica que poderá promover contínuos melhoramentos na qualidade de imagem e de vídeo. Como resultado, vamos fornecer as mais avançadas inovações no mercado das câmaras para smartphones e oferecer mais valor aos consumidores.”

O nome do centro de I&D foi escolhido em memória de Max Berek (1886 – 1949), pioneiro alemão da microscopia e criador das primeiras lentes Leica. 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor