Hackers acedem a dados de internautas alemães

Segurança

As autoridades alemãs descobriram, durante uma investigação a botnets, que passwords e endereços de e-mail de 16 milhões de utilizadores foram acedidos por hackers. Ainda não se sabe como os dados dos internautas foram recolhidos nem a partir de que serviços, nem tirando partido de que tipo de falha de segurança. No entanto, o gabinete

As autoridades alemãs descobriram, durante uma investigação a botnets, que passwords e endereços de e-mail de 16 milhões de utilizadores foram acedidos por hackers.

hacker-2Ainda não se sabe como os dados dos internautas foram recolhidos nem a partir de que serviços, nem tirando partido de que tipo de falha de segurança. No entanto, o gabinete alemão para a segurança da informação já disponibilizou uma ferramenta que permite aos utilizadores confirmarem se os hackers acederam aos dados associados ao seu endereço de e-mail.

Esta medida é considerada a forma mais eficaz de comunicar às potenciais vítimas que podem estar em risco e que devem alterar as passwords de acesso às suas contas de e-mail, de redes sociais ou em lojas online. A ferramenta criada pelo gabinete para a segurança da informação é uma aplicação online onde, uma vez introduzido o e-mail, o utilizador será informado caso a sua conta tenha sido comprometida.

De acordo com responsáveis da agência, o caso continua em investigação e por isso ainda não é possível avançar mais dados relativamente à utilização dos dados identificados. Os responsáveis do BSI admitem poder estar perante “um mega esquema de roubo de identidade”. No entanto, ainda não se sabe quais são as implicações do esquema para as contas visadas pelo roubo de dados.

As autoridades da Alemanha têm conhecimento do roubo de dados desde o passado mês de dezembro, mas a informação foi mantida em segredo até conseguirem preparar a operação de divulgação do esquema.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor