Google vende unidade de imagens por satélite Terra Bella

EmpresasNegócios

A Alphabet, holding que detém a Google, vai vender a sua unidade de negócios relacionada a imagens por satélite, Terra Bella. A compradora é a Planet Labs, uma operadora de satélites fundada por ex-colaboradores da NASA.

De acordo com o comunicado da Planet, a aquisição inclui a constelação de satélites SkySat. Quando o negócio for tramitado, a Google entrará em um contrato multi-anual com a empresa para a compra de imagens por satélite.

Os detalhes financeiros da venda não foram revelados, tal como o montante que será acordado nesse novo contrato. A Google comprou a Terra Bella por 500 milhões de dólares americanos em 2014.

“Há muito que admirávamos o que a Terra Bella conquistou e achamos que a constelação SkySat de sete satélites de alta definição será muito complementar à frota de 60 satélites de média resolução da Planet”, afirmou Will Marshall, co-fundador e CEO da Planet Labs.

O acordo inclui a transferência de vários colaboradores da Google/Terra Bella para a Planet.

“Quando pensámos  numa companhia que compartilha a paixão e força da Terra Bella com relação à imagem por satélite de alta frequência, a Planet surgiu de forma natural”, comentou o vice-presidente de produtos e engenharia da Google, Jen Fitzpatrick. “A Terra Bella conquistou tanto nos últimos dois anos, incluindo o desenho e lançamento de mais cinco satélites. Estamos entusiasmados para ver o que ela fará no futuro, e ansiosos por ser um cliente de longo prazo”, acrescentou.

O co-fundador da empresa, John Fenwick, sublinhou também que a junção das duas empresas permitirá continuar sua missão e fortalecer o negócio.

A Planet Labs, indica a Reuters, é uma de várias startups tentando alavancar tecnologia que tornará os satélites mais pequenos e mais baratos, que irá facilitar o lançamento de grandes redes de com menos investimento e menor risco. Está sediada em São Francisco.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor