Google Indoor Maps chegou a Portugal

AppsMobilidade

A partir de hoje, já é possível utilizar, em Portugal, a ferramenta Indoor Maps da Google, a nova funcionalidade que permite o acesso às plantas de dezenas de edifícios. Está disponível em versão web e mobile e é simples de utilizar: basta clicar para ampliar determinada zona do mapa. Os indoor maps ou mapas interiores

A partir de hoje, já é possível utilizar, em Portugal, a ferramenta Indoor Maps da Google, a nova funcionalidade que permite o acesso às plantas de dezenas de edifícios. Está disponível em versão web e mobile e é simples de utilizar: basta clicar para ampliar determinada zona do mapa.

google indoor

Os indoor maps ou mapas interiores fazem parte da mais recente funcionalidade da Google, em Portugal, juntando-se a outras já existentes, como Google Earth e Google Street View. Na página principal da versão web lê-se que, assim, é possível criar uma “experiência mais conveniente e agradável para o visitante, sem custos”. Através da visualização das plantas dos edifícios, podemos encontrar pontos de interesse, outros detalhes e informações úteis como a localização de caixas multibanco.

Já estão disponíveis as plantas de 49 espaços, incluindo estações de comboios por todo o país, estações de metro no Porto e em Lisboa, museus e palácios, o El Corte Inglés, o Estádio do Dragão e o Instituto Superior Técnico. Neste último, vai ser possível ligar a aplicação do instituto à Indoor Maps para que os alunos possam coordenar os horários das aulas com as salas, por exemplo.

Esta nova funcionalidade não requer atualizações nem qualquer tipo de registo, basta aumentar a zona pretendida do mapa para poder aceder às plantas disponíveis e movimentar-se através das diferentes salas, pavilhões ou andares. Estes mapas interiores estão disponíveis em versão web e também em versão mobile, tanto para Android como para iOS.

A partir de hoje, também é possível que os interessados e proprietários de edifícios públicos que queiram submeter as plantas dos seus espaços o possam fazer e, assim, aumentar a lista portuguesa. A Indoor Maps já existe em mais de 20 países.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor