Google eleva rivalidade da Amazon aos céus

Negócios

A Google está a desenvolver “drones” que podem lidar com as entregas, uma “jogada” que o coloca em direta concorrência com a empresa de comércio eletrónico Amazon, que está a desenvolver o seu próprio serviço de remessas com a utilização de “máquinas voadoras”. A iniciativa da Google, denominada projeto Wing (asa), visa a utilização de drones para

A Google está a desenvolver “drones” que podem lidar com as entregas, uma “jogada” que o coloca em direta concorrência com a empresa de comércio eletrónico Amazon, que está a desenvolver o seu próprio serviço de remessas com a utilização de “máquinas voadoras”.

atelier-drone

A iniciativa da Google, denominada projeto Wing (asa), visa a utilização de drones para entregar mais rapidamente a mercadoria e só deverá estar disponível para uso comercial daqui a “alguns anos” disse o gigante das buscar norte-americano.

A empresa “confessa” que tem explorado o uso de aviões não tripulados já há cerca de dois anos, pelo que a divulgação deste projeto o coloca em clara corrida com a Amazon, que anunciou no ano passado os seus próprios planos de testar drones para entregar mercadorias. As duas empresas estão cada vez mais em competição já que ambas têm como alvo quer empresas quer os consumidores, para desta forma conseguirem sustentar o crescimento.

Sabe-se agora que no início deste ano os pesquisadores do Google testaram o projeto Wing em Queensland, na Austrália. A empresa testou drones com dois agricultores, a quem foram entregues alguns bens como rádios, brinquedos de cão e vacinas de gado.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor