Google compra Boston Dynamics

Negócios

A Google comprou a Boston Dynamics, empresa especializada em robótica, que criou robots para o exército americano. As máquinas desta organização são capazes de subir paredes, transportar cargas em terrenos irregulares e correr a grandes velocidades. A Google tem investido muito em tecnologia nos últimos anos e esta empresa robótica é já a oitava que

A Google comprou a Boston Dynamics, empresa especializada em robótica, que criou robots para o exército americano. As máquinas desta organização são capazes de subir paredes, transportar cargas em terrenos irregulares e correr a grandes velocidades.

LS3-AlphaDog_reducedA Google tem investido muito em tecnologia nos últimos anos e esta empresa robótica é já a oitava que a multinacional adquire em apenas seis meses, nos Estados Unidos e no Japão.

A Boston Dynamics já trabalhou com o exército, com a marinha norte-americana e com a DARPA. Esta empresa tem atualmente alguns contratos de fornecimento dos seus robots para as Forças Armadas dos Estados Unidos, mas não é este o caminho que a Google pretende tomar, pois não se quer dedicar a criar e a desenvolver armas.

São vários os tipos de robots da Boston Dynamics. Alguns, criados para serem usados em operações militarism são capazes de transporter cargas pesadas em terrenos irregulars, outros conseguem deslocar-se no solo e saltar por cima de obstáculos até nove metros de altura, e outros são até capazes de subir paredes. Um robot chamado Cheetah consegue correr à velocidade de 47 km/h.

A criação desta nova área na Google vem mostrar que a multinacional se está a preparar para criar alternativas no ramo da robótica, mas aplicada a processos de distribuição e recolha de bens em armazéns, para além de ir investir também em cuidados aos mais idosos.

Um dos modelos famosos da Dynamics chama-se BigDog e é um aparelho com quatro patas que consegue transportar uma carga em terrenos inclinados, na neve e em pisos escorregadios.

Segundo Andy Rubin, o responsável por esta área, a Google está a trabalhar num projeto de robótica chamado Moonshot. A única certeza avançada é que a Google está ainda numa fase muito inicial e não pretende apresentar nada nesta área nos próximos anos.

As áreas em que a Boston Dynamics tem investido permitiram mostrar já vários protótipos de robots com capacidades muito além daquilo que actualmente é conhecido e usado.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor