Garmin cresce 5% no segundo trimestre

FinançasNegócios
0 0 Sem Comentários

O total das receitas do segundo semestre da Garmin foi de 812 milhões de dólares, o que revelou um crescimento de 5% face ao ano de 2015, com as áreas de fitness, outdoor, marítimo e aviação a apresentarem um crescimento coletivo de 20% face ao mesmo trimestre do ano passado. Estas áreas representam já 70% das receitas totais.

A Garmin anunciou que os resultados operacionais referentes ao segundo trimestre de 2016, que terminou a 25 de junho deste ano, foram de 812 milhões de dólares em receitas totais. As áreas de outdoor, fitness, aviação e marítima foram responsáveis por um crescimento conjunto de 20%.

De resto, segundo o player, estes segmentos de negócios contribuíram de resto com 70% para o total de receitas. “A linha de wearables continua a apresentar-se em franca expansão, numa altura em que a empresa apresentou novidades muito bem acolhidas no mercado”, dizem em comunicado de imprensa.

Esclarecem ainda que tanto a margem bruta como a margem operacional foram algo de crescimento face ao primeiro trimestre do ano, testemunhando assim o bom desempenho financeiro da Garmin.

“Verificamos bons resultados no segundo trimestre de 2016, altura em que cada segmento revelou um desempenho sólido”, disse Cliff Pemble, presidente e CEO da Garmin Ltd.

“As áreas de fitness e outdoor foram responsáveis por consideráveis crescimentos de receitas e de lucros, em parte sustentadas pelo aumento da nossa oferta no segmento de wearables. Esse crescimento foi ainda estendido às áreas de aviação e marítimo. O segmento auto continua a assumir-se como uma sólida base de contribuição de lucro no negócio total. Estou muito satisfeito com o desempenho geral na primeira metade de 2016 – uma performance que nos dá a confiança necessária para enfrentarmos este ano com muito otimismo”.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor