Fusão histórica Dell e EMC a 7 de setembro

EmpresasNegócios

A Dell e a EMC anunciaram que pretendem fechar a transação da fusão das duas empresas na quarta-feira, 7 de setembro de 2016, dando origem à Dell Technologies.

O anúncio acontece após a aprovação regulatória da transação Dell e EMC pelo Ministério do Comércio da China (MOFCOM), sem a qual a fusão não era viável. Os acionistas da EMC vão receber 24,05 dólares por ação em dinheiro, além de um novo tracking stock numa porção do interesse económico da EMC no negócio VMware.

“Este é um momento histórico tanto para a Dell como para a EMC. Juntos, vamos estar excecionalmente bem posicionados para o crescimento nas áreas mais estratégicas da próxima geração de TI, incluindo transformação digital, datacenter definido por software, infraestrutura convergente, cloud híbrida, mobile e segurança”, afirmou em comunicado Michael Dell, presidente e CEO da Dell Technologies. “Os nossos investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento (R&D), juntamente com os nossos 140.000 membros da equipa em todo o mundo, vão dar-nos uma incomparável escala, força e flexibilidade, aprofundando os nossos relacionamentos com os clientes de todas as dimensões.”

“Estou orgulhoso de tudo o que nós construímos na EMC – de um humilde começo como uma startup sediada em Boston a uma empresa global de tecnologia de classe mundial com uma dedicação inflexível para com os nossos clientes”, disse Joe Tucci, presidente e diretor executivo da EMC. “A combinação da Dell e da EMC cria uma nova potência na indústria – fornecendo a tecnologia essencial para a próxima era em TI.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor