França e Alemanha vão propor regulação da Bitcoin

FinançasNegócios

Na próxima reunião do G20, que irá decorrer em março na Argentina, a França e a Alemanha vão fazer propostas conjuntas para regular a Bitcoin.

Na próxima reunião do G20, que irá decorrer em março na Argentina, a França e a Alemanha vão fazer propostas conjuntas para regular a Bitcoin. A informação foi avançada pelo ministro das finanças francês, Bruno Le Maire.

Numa conferência de imprensa que contou com o ministro francês e o seu homólogo alemão, Peter Altmaier, os dois países vão propor a regulação da mais popular das criptomoedas. De relembrar que esta semana o valor da Bitcoin desceu para metade do valor que teve no seu auge.

“Vamos ter uma análise conjunta Franco-Alemã dos riscos ligados à Bitcoin, propostas de regulação e estas vão ser submetidas como proposta conjunta aos nossos parceiros do G20 na reunião do G20 na Argentina, em março”, explicou Le Maire aos jornalistas.

Altmaier reiterou que é responsabilidade dos dois países para com os seus cidadãos “explicar e reduzir os riscos” associados à Bitcoin.

O mercado das criptomoedas é visto por vários analistas como uma bolha, tendo o valor das mais populares criptomoedas, como a Bitcoin, Ethereum e Ripple, disparado nos últimos meses e até ao início do ano. Ainda assim, nas últimas semanas, o valor dessas mesmas criptomoedas tem descido drasticamente com o mercado a recear as várias regulações propostas por vários países que podem ser impostas à compra e venda destes tokens.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor