Fortinet amplia recursos do Security Fabric para cloud

CloudSegurança

A Fortinet anuncia que aumentou o rendimento, a automatização, a visibilidade e a gestão da sua arquitetura Security Fabric em todo o tipo de ambientes cloud. Os novos recursos pretendem dotar as empresas e fornecedores de serviços de níveis de segurança acrescidos nas suas organizações.

Segundo um estudo recente da ESG Research, 62% dos profissionais de cibersegurança confirmam que é difícil obter o mesmo nível de visibilidade ao trabalhar na cloud, em comparação com as suas redes físicas, enquanto que 56% afirma que as operações e processos de segurança da rede da sua organização carecem do nível adequado de automatização e orquestração necessária para a cloud. 

Desta forma, a Fortinet ampliou as capacidades da arquitetura Security Fabric para permitir às organizações colmatar estas necessidades. Estas ferramentas, em conjunto com o recente FortiOS 5.6, oferecem às empresas todas as funcionalidades para manter as suas redes seguras.

As últimas melhorias incorporadas na Security Fabric são:

Rendimento de segurança único para clouds privadas e públicas. O FortiGate virtualizado foi melhorado para oferecer um rendimento escalável à medida das necessidades das empresas. Agora, as máquinas virtuais (VM) oferecem um rendimento por core até 3 vezes mais rápido que os anteriores, com opções de aumento de capacidade de 16, 32 ou mais cores de CPU numa única VM.  Segundo a Fortinet, o dispositivo virtual FortiGate proporciona o rendimento VM mais rápido do mundo chegando até aos 132 Gbps com apenas seis cores, quando acelerado com as Fortinet Security Processing Units (SPU). As novas propostas também permitem economizar entre 20-30% com o mesmo rendimento VM melhorado.

• Automatização da segurança na cloud pública mediante licenciamento on-demand e de auto-escala que permite às mpresas pagar pela segurança cloud de que necessitam. As soluções da Fortinet encontram-se disponíveis on-demand na Microsoft Azure Marketplace. Além disso, as soluções da Fortinet com capacidades melhoradas de escala automática e orquestração estão disponíveis tanto para AWS on-demand como para BYOL (bring-your-own-license).

VM On-Demand oferece métricas de pagamento por utilização para fornecedores na cloud.  O novo programa de licenças de `pagamento por utilização´ da Fortinet VM On-Demand para fornecedores cloud e MSSP oferece opções flexíveis de pagamento e automatização para os clientes finais.  Em conjunto com o FortiHypervisor, a VM On-Demand oferece aos fornecedores da cloud a mais ampla seleção de formatos de equipamento nas instalações do cliente (CPE): físico, virtual e híbrido, para proporcionar serviços de segurança gerida e SD-WAN.

• O FortiCASB é o novo serviço de broker de segurança de aceso à cloud, baseado em API que permite visibilidade da segurança para o acesso dos utilizadores, dentro e fora da rede corporativa, a algumas das aplicações SaaS mais utilizadas, incluindo o Office 365. Além disso, proporciona ferramentas de cumprimento e auditoria para ajudar a obter um melhor controlo das aplicaçoes SaaS. A FortiCASB estará disponivel no final do segundo trimestre de 2017.

“As empresas estão a construir uma infraestrutura flexível e escalável com a utilização da cloud pública e privada. Como consequência, é fundamental manter uma postura de segurança consistente. A Fortinet, através da sua arquitetura Security Fabric, está a melhorar as suas capacidades de segurança em infraestrutura, em aplicações (SaaS) e na cloud privada. O que abrange uma maior escalabilidade e novas funcionalidades da cloud pública e visibilidade SaaS através de uma nova oferta CASB, oferecendo um rendimento de segurança ótimo à escala cloud”, afirmou, em comunicado, John Maddison, vice-presidente sénior de produto e soluções da Fortinet sobre as mais recentes melhorias da Security Fabric.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor