Estudo revela que há falta de colaboração entre CMO e CIO

EmpresasNegócios

De acordo com um novo estudo da Accenture, a falta de colaboração entre os Chief Marketing Officers e os Chief Information Officers ameaça a capacidade das empresas garantirem uma boa experiência de cliente. O estudo foi baseado num inquérito realizado a 400 executivos de marketing e 250 executivos da área de TI em dez países,

De acordo com um novo estudo da Accenture, a falta de colaboração entre os Chief Marketing Officers e os Chief Information Officers ameaça a capacidade das empresas garantirem uma boa experiência de cliente.

EstudoO estudo foi baseado num inquérito realizado a 400 executivos de marketing e 250 executivos da área de TI em dez países, revelou que apenas um em cada dez executivos acredita que a colaboração entre os CMO e CIO está neste momento no nível correto.

Segundo o relatório, os CIO parecem estar mais empenhados nesta colaboração do que os CMO. 77 por cento dos CIO consultados concordam com a ideia que que o alinhamento CMO-CIO é importante, quando comparado com os 57 por cento dos CMO que participaram no estudo.

Os executivos de marketing e de TI concordam que a tecnologia é essencial ao marketing e que a sua principal finalidade é conseguir gerar conhecimento sobre o cliente. Embora os CMO refiram que este é o principal objetivo e motivação para a colaboração com as equipas de TI, os CIO colocam este motivo em décimo lugar na lista de razões pelas quais os CMO e os CIO deveriam trabalhar em conjunto.

O relatório revela que quando existe uma colaboração no decorrer de uma iniciativa de marketing, nem os executivos desta área nem os executivos de TI chegam ao fim do processo satisfeitos. 36 por cento dos CMO dizem que os compromissos assumidos pela área de TITI não são cumpridos e 46 por cento dos CIO referem que a área de marketing não garante um nível de detalhe adequado no momento da definição de requisitos do negócio.

O estudo revela ainda que a falta de acordo em relação à da liberdade de utilização e ao controlo da tecnologia e dos dados é ainda um fator que impede uma colaboração mais eficaz. 45 por cento dos CMO querem permitir que as suas equipas alavanquem e otimizem a informação e o conteúdo sem a intervenção das TI. 49 por cento dos CIO contrapõem que o marketing usa a tecnologia sem levar em total consideração os standards corporativos.

Tanto os CMO como os CIO acreditam que a sua relação melhorou no último ano: 45 por cento dos executivos de marketing e 47 dos executivos da área de TI partilham esta opinião.

Segundo o relatório da Accenture, afirma ainda que o CMO deve ser identificado como Chief Experience Office e o TI deve ser visto como um parceiro estratégico do marketing, não apenas como um fornecedor de plataformas; a fusão de competências de ambas as áreas deverá ser atualizada à medida que a área de marketing consegue adquirir um maior know-how tecnológico e a área de TI se torna mais ágil e apta a responder às exigências do mercado.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor