Ericsson e SK Telecom querem construir infraestruturas de redes 5G

CloudEmpresasGestão de RedesMobilidadeNegóciosOperadoresRedes

A Ericsson e a SK Telecom pretendem colaborar no desenvolvimento e implementação de uma tecnologia de rede de múltiplas configurações – network slicing – otimizada para os serviços 5G. O projeto deverá estar pronto no final deste ano, sendo que beneficiará das capacidades do laboratório de cloud regional da Ericsson e do Ericsson HDS 8000.

O objetivo das empresas passa por construir um banco de ensaios 5G mais avançados do mundo, pelo que iniciarão o trabalho ainda este ano.

Dado que os casos de uso 5G previstos, como a atividade remota de máquinas, o transporte inteligente e a realidade virtual, necessitarão de novos desempenhos e condições de segurança das redes, serão construídas redes 5G com tecnologias de rede de múltiplas configurações. As redes utilizarão recursos lógicos em vez de físicos, que permitirão às operadoras oferecer as redes numa base asa-service. Ericsson Virtual Evolved Packet Core será a solução usada para a instanciação das múltiplas configurações da rede.

A colaboração beneficiará das capacidades do laboratório de cloud regional da Ericsson, que apoia operadoras no desenvolvimento e verificação da cloud, na virtualização das funções de rede e nas tecnologias de rede definidas por software.

A infraestrutura de rede será concebida pelo sistema Hyperscale Datacenter da Ericsson, o Ericsson HDS 8000. Esta solução representa uma nova geração de sistemas de centros de dados a híper-escala que usa a Rack Scale Architecture da Intel para uma abordagem desagregada de hardware e que aumenta significativamente a eficiência, a utilização, a automatização e o custo total de propriedade de ambientes virtualizados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor