Ericsson disponibiliza cloud para a gestão de rede com lançamento “as a service”

CloudGestão de RedesMobilidadeRedes

A Ericsson lançou o seu sistema de topo Ericsson Network Manager no modelo “as a service” para melhor apoiar os operadores no percurso traçado para a virtualização, para as redes definidas por software e para a transformação de rede 5G. A empresa sueca está a adotar o Software-as-a-Service (SaaS) como um negócio e um modelo de distribuição orientado para os sistemas de gestão de redes e de missão crítica.

Criado com uma nova arquitetura de software de alta escalabilidade, o Ericsson Network Manager combina funções do Element Management System, do Network Management System e de Analytics. Gere funções de rede física e virtual em múltiplas tecnologias (várias tecnologias Radio, Core & IP) e expõe-nas de forma unificada aos ecossistemas OSS já existentes dos operadores.

“O Ericsson Network Manager traduz a liderança de longa data da Ericsson na gestão de dezenas de milhares de nós nas redes dos operadores de radio, de transportes e core de Tier 1. Este anúncio do modelo as-a-service é uma evolução já esperada, mas inovadora da gestão de redes que vem responder a uma necessidade chave dos operadores que pretendem recolher grandes benefícios dos modelos da internet que reduzem os custos e melhoram a experiência do consumidor”, refere Larry Goldman, Partner e responsável máximo pela área de Networks and Software Research na Analysys Mason. 

De acordo com o comunicado de imprensa, existem agora três opções disponíveis para os operadores que pretendem melhorar as suas funções de rede com o Ericsson Network Manager: nativo com software e hardware, software na cloud escolhida pelo cliente e as service.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor