Encriptação poderá ser valorizada nos resultados da Google

Segurança

A Google está a considerar dar primazia nos seus resultados de pesquisa a sites que integrem sistemas de encriptação, para a segurança da informação. Esta medida poderá gerar uma Internet mais segura, quer para os utilizadores, quer para as empresas. Matt Cutts, chefe da equipa Webspam da gigante tecnológica Google, afirmou hoje que é muito

A Google está a considerar dar primazia nos seus resultados de pesquisa a sites que integrem sistemas de encriptação, para a segurança da informação. Esta medida poderá gerar uma Internet mais segura, quer para os utilizadores, quer para as empresas.

encriptação

Matt Cutts, chefe da equipa Webspam da gigante tecnológica Google, afirmou hoje que é muito provável, embora não para já, que a empresa passe a priorizar os websites que operem sobre sistemas de encriptação de dados nos resultados de pesquisa que apresenta, em detrimento daqueles que não empregam medidas de segurança tão fortes.

Esta não é, reportando-nos ao que foi divulgado pelo Wall Street Journal, a primeira vez que Cutts advoga que os algoritmos de pesquisa do Google deveriam apresentar em primeiro lugar os sites aos quais tivessem sido aplicados sistemas de codificação da informação. Contudo, e apesar da empresa estar a ponderar a adoção deste modelo de atuação, Cutts afirma que esta mudança não estará para breve.

A encriptação informática é uma mais valia para todos os utilizadores e plataformas, pois torna mais seguras as comunicações online, e pode constituir-se como obstáculo à espionagem indevida por agências de inteligência.

De momento, a Google está a integrar nos seus próprios sistemas medidas de encriptação de dados, reflexo das revelações feitas por Snowden relativamente às práticas abomináveis da Agência de Segurança Nacional norte-americana e da GCHQ do Reino Unido.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor