Empresas receiam perder os avanços na cloud

Cloud

Um estudo realizado pela CITO Research e Commvault revela que, apesar das empresas estarem a aderir rapidamente à cloud, 81% dos executivos têm receio de perder os novos avanços tecnológicos neste campo

Este estudo revela que a preocupação dos executivos de TI nas empresas está a levar os líderes de negócio a pôr em marcha a toda velocidade as suas estratégias cloud. Com efeito, 93% dos inquiridos afirmam que estão a migrar pelo menos alguns dos seus processos para a nuvem e, além disso, 56% afirma que já o fez ou que tem intenção de migrar, não só alguns, mas todos os seus processos de negócio para a cloud.

O estudo mostra que 75% dos responsáveis de TI vêm o backup e a proteção de dados como um dos projetos na cloud que está a ter mais impacto no seu negócio – mais que qualquer outro projeto cloud. De qualquer maneira, apesar de considerarem a proteção de dados e o backup como o caso de uso com mais impacto na cloud, 63% estão preocupados com a sua capacidade de recuperar os dados rapidamente a partir da cloud. “A nossa experiência diz-nos que estes temores provêm de clientes que entendem que necessitam de algo mais do que ferramentas nativas para um nível básico de backup”, continua Foster. “Os clientes têm cada vez mais consciência de que precisam um backup e recuperação holísticos, com a segurança de que, independentemente de onde residam os dados – on-premise ou na cloud – estes estão protegidos e são recuperáveis de uma forma adequada”.

Outros resultados do estudo afirmam que:

  • As maiores barreiras para migrar mais apps para a cloud são:
    • O grande volume de dados (68%)
    • Falta de formação por parte dos colaboradores para levar a cabo a migração (65%)
    • Políticas sobre dados na cloud e on-premise (55%)
  • Investimento para a migração para a cloud: 87% dos inquiridos planeiam atribuir mais orçamento à cloud para o próximo ano. Só 4% dizem que investirão menos.
  • Segurança de dados e recuperação: 91% dizem ter implementado proteção de dados para aplicações SaaS ou na cloud.
  • Principais razões dos clientes para migrar para a cloud:
    • Agilidade de negócio: 33%
    • Poupança de custos: 22%
    • Inovação e desenvolvimento de novas apps, produtos e serviços: 20%

Para estes responsáveis, a migração para a cloud é tão positiva como importante. Só um 1% dos inquiridos descreveram a sua viagem para a cloud como frustrante, e 13% descreveram esta experiência como cara. Segundo o estudo, 51% classificam a migração como inovadora e 35% como excitante.

Veja aqui o estudo completo

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor