Empresas que pretendem migrar para a cloud recebem dicas de especialistas

Cloud

Recursos de automação inteligentes e confiáveis, adaptadores para infraestrutura existente e modelos predefinidos para calcular a computação utilizada são três dicas que especialistas recomendam às empresas quando estas querem migrar para a cloud. Especialistas em cloud apresentam dicas às empresas para que a adoção do modelo de cloud computing não seja uma tarefa difícil. Apesar

Recursos de automação inteligentes e confiáveis, adaptadores para infraestrutura existente e modelos predefinidos para calcular a computação utilizada são três dicas que especialistas recomendam às empresas quando estas querem migrar para a cloud.

cloudcomputingEspecialistas em cloud apresentam dicas às empresas para que a adoção do modelo de cloud computing não seja uma tarefa difícil.

Apesar de a capacidade de utilizar a cloud pública seja atraente, por reduzir a necessidade de gestão de infraestrutura, CIOs e gerentes de Tecnologias da Informação hesitam em migrar dados importantes e aplicativos para esse modelo. Assim as empresas estão a optar por soluções de cloud privada e/ou híbridas, que viabilizam os benefícios de uma cloud pública.

A adoção deste modelo cresceu muito no ano passado, já que as empresas começaram a procurar uma maneira mais simples e rápida de infraestrutura de cloud. Uma cloud simples e pronta para a utilização promete benefícios como a simplicidade e a redução de custos. No entanto, são ainda muitas as empresas que duvidam da forma como integrá-la com a rede existente e a infraestrutura de armazenamento.

Neste sentido, especialistas recomendam três dicas para ajudar as organizações a avaliarem melhor a migração para a cloud.

Recurso de automação inteligente e confiável é a primeira dica. Uma cloud deve ser capaz de realizar configurações automaticamente quando necessário. Deve também ser capaz de combinar todos os dispositivos conhecidos e descobrir novos. As empresas precisam de ser capazes de ter acesso de forma segura a uma cloud pública quando os recursos não estão disponíveis na cloud privada.

Um dos elementos mais importantes para assegurar a seleção da solução correta é escolher uma tecnologia que conta com recursos virtualizados e com recursos físicos e cloud pública.

Adaptadores para a infraestrutura existente é outra das dicas. É essencial a integração de uma ferramenta de gerenciamento de cloud em infraestrutura existente. Atualmente a maioria dos ambientes de TI é heterogénea com equipamentos de múltiplos sistemas, rede e fornecedores de armazenamento. Assim, quando as empresas adotam uma solução de cloud privada, devem ser capazes de trabalhar nesse ambiente.

Criar uma cloud privada num hardware existente economiza de tempo e gera redução de Capex, pois será possível reutilizar recursos existentes e evitar a aquisição de novos equipamentos.

A última dica diz respeito aos modelos predefinidos para calcular a computação usada. O maior investimento para a construção de uma cloud privada está relacionado à conceção e à elaboração dos modelos para as topologias que serão utilizadas.

Quando uma solução de cloud oferece uma biblioteca pré-construída de modelos usados, as empresas podem acelerar significativamente o tempo que leva para operacionalizar uma cloud privada. Esses modelos predefinidos podem entregar de 50 a 90 por cento do projeto de ambiente privado e tudo o que a companhia precisa de fazer são personalizações de TI para alinhar o modelo ao seu ambiente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor