Empresário russo quer investir em tecnológicas nos EUA e Europa

NegóciosOperadoresRedes

Mikhail Fridman, milionário russo, anunciou a sua intenção em investir mais de dez mil milhões de dólares em operadoras e tecnológicas norte-americanas e europeias. Os investimentos serão realizados através de um fundo sediado em Londres, o LetterOne Technology. O LetterOne Technology poderá ser responsável pelo crescimento e revitalização de algumas empresas europeias, e também norte-americanas,

Mikhail Fridman, milionário russo, anunciou a sua intenção em investir mais de dez mil milhões de dólares em operadoras e tecnológicas norte-americanas e europeias. Os investimentos serão realizados através de um fundo sediado em Londres, o LetterOne Technology.

ciclos-de-investimentos

O LetterOne Technology poderá ser responsável pelo crescimento e revitalização de algumas empresas europeias, e também norte-americanas, que estejam envolvidas em dificuldades financeiras. O objetivo deste fundo de investimento será adquirir grupos de telecomunicações e operadoras que precisem de capital para sobreviver no mercado.

Para além da recuperação destas empresas, o fundo britânico planeia também investir em startups que estejam a desenvolver aplicações móveis inovadoras, de modo a fomentar o crescimento tecnológico destes dois continentes. Por trás deste projeto está Mikhail Fridman, empresário milionário russo, que anunciou o investimento de 16 mil milhões de dólares através do LetterOne Technology.

Para o conselho de administração do fundo, foram convidadas outras personalidades incluindo Denis O’Brien, empresário irlandês do setor das telecomunicações, e Brent Hoberman, cofundador da Lastminute.com.

De acordo com Alexey Reznikovich, diretor executivo da LetterOne Technology, em declarações ao jornal Financial Times, o valor de investimento poderá chegar aos 25 mil milhões de dólares, já que a empresa não possui qualquer dívida no seu registo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor