Empresa portuguesa ajuda a criar smartphones para idosos

MobilidadeSmartphones

A Fraunhofer Portugal é uma das empresas que está a desenvolver os GoLivePhone, telemóveis criados a pensar nas necessidades e dificuldades dos utilizadores seniores. Estes smartphones pretendem facilitar o acesso a informações e ajudar os idosos a realizar tarefas do dia a dia. O software usado foi adaptado para que o interface fosse simples de

A Fraunhofer Portugal é uma das empresas que está a desenvolver os GoLivePhone, telemóveis criados a pensar nas necessidades e dificuldades dos utilizadores seniores. Estes smartphones pretendem facilitar o acesso a informações e ajudar os idosos a realizar tarefas do dia a dia.

Elderly using smartphone - Photo credit - Geek InsiderO software usado foi adaptado para que o interface fosse simples de utilizar e estes telemóveis possuem também algumas características que podem interessar aos utilizadores mais idosos.

Uma das características que podem interessar aos utilizadores seniores é a capacidade de detetar uma queda, ou seja, quando o telemóvel regista este tipo de acidente, envia automaticamente uma mensagem a uma lista de contactos pré-definidos com a localização do utilizador.

Além desta característica, o smartphone tem ainda uma forte componente de georreferenciação que permite que quando o utilizador saia da sua área de referência, o telemóvel sugira rotas para o regresso a casa.

Há ainda um botão de emergência que permite alertar os filhos ou outras pessoas próximas do idoso de que algo está a acontecer. Estes smartphones têm também outras ferramentas como lembretes para a medicação e elementos que podem ser controlados à distância, como a lista de contactos, a agenda e a toma da medicação.

Os GoLivePhone estão a ser comercializados pela Gociety, uma empresa parceira da Fraunhofer Portugal. Estes smartphones ainda não estão a ser comercializados em Portugal, mas os dois modelos podem já ser adquiridos na página da empresa holandesa.

O GoLivePhone Maxi custa 410 euros e o GoLivePhone Mini é comercializado por 285 euros.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor